Prefeitura reabre licitação para compra de 30 mil testes rápidos de antígeno para Covid
Propostas serão apresentadas no dia 13 de julho, às 10h30; modelo é de registro de preços
Foto: BRENO ESAKI/AGÊNCIA SAÚDE DF - Teste rápido tem amostra coletada por swab nasal e é indicado para até o 7º dia do início dos sintomas
Por Guilherme Gandini | 05 de julho, 2022
 

A Prefeitura de Catanduva reabriu o pregão eletrônico para registro de preços de 30 mil testes rápidos Covid-19 para uso da Secretaria Municipal de Saúde. As propostas serão apresentadas no dia 13 de julho, às 10h30. Nesse modelo de compra, a Prefeitura paga o que consumir e o fornecedor mantém o preço do produto na quantidade prevista ou até o limite de 1 ano.  

De acordo com o edital, deverão ser fornecidos testes rápidos de antígeno com sensibilidade mínima de 90,3% especificidade 98,8%, com instruções de uso e material para diagnóstico swab, com registro na Agência Nacional da Vigilância Sanitária - Anvisa e validade mínima de 2 anos.   

O valor máximo admitido pela administração pública municipal será de R$ 13,23 a unidade, podendo chegar a R$ 396,9 mil caso a Prefeitura utilize todo o quantitativo registrado.  

O teste rápido antígeno tem como objetivo identificar a infecção atual e é indicado para pessoas com sinais ou sintomas, assintomáticos que tiveram contato com um caso positivo e pessoas com viagem marcada para o exterior. A realização é indicada, preferencialmente, até o 7º dia do início dos sintomas. A amostra é coletada através do swab – o cotonete nasal.  

Em Catanduva, o teste rápido pode ser feito em todas as unidades de saúde, das 7h às 17h, e também na Unidade de Pronto Atendimento, a UPA, que funciona 24 horas por dia. 

 

 

 

Autor

Guilherme Gandini
Editor-chefe de O Regional.

Por Guilherme Gandini | 23 de junho de 2024
MP pede interdição de escolas sem alvará; 13 ainda estão sob risco
Por Da Reportagem Local | 23 de junho de 2024
Governo de SP antecipa R$ 1 milhão para reforçar saúde em Catanduva
Por Guilherme Gandini | 21 de junho de 2024
Prefeitura doa área para construção de subestação de energia elétrica