Ipem-SP orienta sobre os cuidados na compra de pescados e ovos de Páscoa
Dicas de consumo podem evitar problemas na hora da compra, além de auxiliar o consumidor na escolha de produtos
Foto: Divulgação/Ipem-SP - Ovo de Páscoa não deve ser comprado pelo número, pois cada fabricante adota uma escala
Por Da Reportagem Local | 26 de março, 2024

No período da Páscoa, estão disponíveis no mercado diferentes tipos de pescados e variadas ofertas de ovos de chocolate que enchem os olhos do consumidor, especialmente das crianças. Mas é preciso estar atento às indicações de peso e quantidade, bem como à qualidade dos brinquedos que, em alguns casos, acompanham esses produtos sazonais.

Para evitar problemas, inclusive acidentes de consumo, o Ipem-SP (Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo), autarquia do Governo do Estado, vinculada à Secretaria da Justiça e Cidadania, cujo objetivo é promover a confiança nas relações de consumo, apresenta dicas práticas para o consumidor identificar produtos irregulares e não errar na hora das compras.

Ovos de chocolate com brindes: se o ovo de chocolate traz brinquedo como brinde, verificar na embalagem se está estampada a frase "Atenção: contém brinquedo certificado no âmbito do Sistema Brasileiro da Avaliação da Conformidade". Também é obrigatória a indicação de faixa etária ou, se for o caso, uma frase que informe que não existe restrição de faixa etária. E

Peso: ovos, bombons, chocolates, colombas ou qualquer produto embalado deve apresentar, de forma clara, a indicação do peso líquido na sua embalagem. A indicação deve referir-se somente ao peso do produto, desconsiderando o valor da embalagem e dos brindes, se houver.

Não compre pelo número: a numeração dos ovos de Páscoa serve apenas como referência. Ou seja, não se pode dizer que um produto com numeração maior pesa mais, pois cada fabricante adota escala diferenciada. Assim, oriente-se pela indicação do peso líquido do ovo de chocolate.

Peixe fresco: sejam adquiridos em feiras ou mercados, sempre acompanhe a pesagem do peixe fresco. Esta deve ser feita na presença do consumidor, assim como a embalagem do produto. Caso queira que o peixe seja embalado com gelo para que fique protegido e preservado durante o trajeto para sua casa, fique atento se o vendedor não o pesará depois de acrescentar o gelo.

Guia Prático de Consumo: o Ipem-SP disponibiliza material para download com dicas sobre o que observar na hora da compra de diversos produtos, como embalados, têxteis, eletrodomésticos, itens que devem trazer o selo do Inmetro e também sobre a utilização de balanças disponíveis no comércio. O conteúdo está no site https://www.ipem.sp.gov.br.

Autor

Da Reportagem Local
Redação de O Regional

Por Guilherme Gandini | 18 de maio de 2024
Antigomobilistas realizam encontro mensal de carros na Praça da Matriz
Por Guilherme Gandini | 17 de maio de 2024
Foragido da saidinha é preso suspeito de matar idosa com marreta
Por Da Reportagem Local | 17 de maio de 2024
Apae Catanduva realiza Leilão de Gado no Recinto pelo segundo ano