Idosa de 86 anos é assassinada com golpes de marreta no Solo Sagrado
Ela teria sido golpeada na nuca dentro de sua residência; suspeito é um homem contratado para trocar uma porta do imóvel
Foto: O Regional - Plantão Policial foi acionado na noite de segunda-feira após corpo da vítima ter sido encontrado
Por Guilherme Gandini | 16 de maio, 2024

Um crime chocante foi registrado na terça-feira, 14, em Catanduva. Uma idosa de 86 anos, moradora do Solo Sagrado, foi assassinada com vários golpes de marreta dentro de sua própria casa. O fato teria ocorrido à tarde, com a comunicação à Polícia Civil no período noturno.

De acordo com o boletim de ocorrência, a arma do crime foi uma marreta de 2 quilos, utilizada para golpear a cabeça da vítima, na parte da nuca. A cena encontrada pelos policiais indica que, após os golpes, a mulher teria sido arrastada pelo corredor que liga a cozinha à sala.

Nos quartos, os pertences da vítima estavam revirados. Familiares indicaram que a idosa recebeu benefício previdenciário e que teria ocorrido a subtração de R$ 500 em dinheiro. Com isso, o caso foi registrado como latrocínio, que é o roubo seguido de morte.

Informações preliminares apontam que a vítima contratou um homem desconhecido para realizar a troca de uma porta da residência, sendo ele o provável autor da infração penal. Câmeras de monitoramento existentes na vizinhança poderão contribuir com a investigação.

Policiais civis da DIG – Delegacia de Investigações Gerais foram acionados para identificar o autor do crime. Foi requisitado exame necroscópico e pericial do local dos fatos com a tentativa de coleta de impressões digitais e material genético de eventual autor. A marreta foi apreendida.

Autor

Guilherme Gandini
Editor-chefe de O Regional.

Por Da Reportagem Local | 23 de junho de 2024
Elias Nechar conquista cinco medalhas no Concurso Canguru de Matemática
Por Guilherme Gandini | 23 de junho de 2024
Instituto Federal faz seleção para vagas no curso de Fabricação Mecânica
Por Da Reportagem Local | 23 de junho de 2024
Ciesp inicia pesquisa para suprir demandas do setor industrial