FIT Rio Preto retorna este mês com 31 obras e participação de sete países
Atrações de 10 estados do Brasil e várias nações irão ocupar São José do Rio Preto com 65 apresentações em dez dias de festival
Foto: DIVULGAÇÃO - 'Sinapse Darwin' será apresentada no dia 27 de julho, às 21 horas, na Represa Municipal de Rio Preto
Por Da Reportagem Local | 04 de julho, 2022
 

De 21 a 30 de julho, o Festival Internacional de Teatro de São José do Rio Preto (FIT Rio Preto) retorna à cena cultural com programação pulsante e pautada por temas em diálogo com as questões da atualidade. Um dos mais importantes espaços de difusão e reflexão das artes cênicas no País, o festival contemplará 31 obras, sendo cinco internacionais, de gêneros e estéticas diversas, que irão ocupar 20 locais da cidade, entre palcos, ruas e espaços alternativos, totalizando 65 apresentações em 10 dias. O evento oferecerá 17 ações formativas e reflexivas e um ponto de encontro, o Graneleiro, com 34 intervenções artísticas, shows e performances. 

Realizado pela Prefeitura de São José do Rio Preto e Sesc São Paulo, o FIT Rio Preto chega, em 2022, aos 53 anos de história e 20 anos de edição internacional, retornando à ativa após uma lacuna de dois anos sem edições por conta da pandemia da covid-19. O festival volta à cena com o propósito de marcar a retomada dos grandes eventos culturais, demonstrando a importância da arte e cultura especialmente em tempos difíceis, como de uma crise sanitária e humanitária.  

A abertura será no dia 21 de julho, às 20 horas, no Anfiteatro Nelson Castro (Parque da Represa-Lago I), com o espetáculo Jacksons do Pandeiro, da companhia Barca dos Corações Partidos, do Rio de Janeiro/RJ. No palco, uma homenagem ao cantor, compositor e multi-instrumentista paraibano Jackson do Pandeiro (1919-1982), que recebeu a alcunha de “Rei do Ritmo” por suas mais de 400 canções recheadas de gêneros como samba, forró, coco, baião e frevo. Vencedora do prêmio APTR (Associação dos Produtores de Teatro), a montagem tem direção de Duda Maia, texto de Braulio Tavares e Eduardo Rios e direção musical de Alfredo Del-Penho e Beto Lemos.   

“Símbolo de resistência e campo fértil para o pensamento crítico, o Festival Internacional de Teatro (FIT) de São José do Rio Preto está de volta numa edição particularmente especial. Após dois anos de pausa em razão da pandemia, o FIT chega em meio ao nosso respeito e solidariedade às famílias dos que partiram, e à celebração da vida dos que aqui permanecem. Ao receber o FIT 2022, a Rio Preto de vocação progressista cumpre seu papel com a convicção de que o fazer artístico, definitivamente, transforma para melhor a sociedade”, considera o prefeito de São José do Rio Preto, Edinho Araújo.   

Para Danilo Santos de Miranda, diretor regional do Sesc São Paulo, “a pujança desse retorno se expressa na combinação de espetáculos, encontros e atividades formativas protagonizados por grupos e companhias teatrais oriundos de quatro regiões do país (Norte, Nordeste, Sudeste e Sul) e de diferentes países de língua hispânica, bem como por agentes da cena rio-pretense. Para o Sesc, promover essa forma de reunião corresponde a contribuir com a construção de leituras cênicas da realidade, em chave plural, hábeis em lidar com seus impasses”.  

A curadoria, formada por Adriana Macedo, integrante da equipe da Gerência de Ação Cultural do Sesc São Paulo; Kil Abreu, jornalista e crítico teatral; e a atriz e diretora teatral Quitéria Kelly, escolheu entre mais de 800 trabalhos que, de maneira recorrente, manifestam o interesse de criadores por traduções diversas da realidade viva, nos palcos e nas ruas, o que se reflete na programação.   

Os ingressos estarão à venda a partir de 8 de julho, às 11 horas no site do FIT Rio Preto (fitriopreto.com.br) e a partir das 17 horas em todas as unidades do Sesc de São Paulo e bilheteria do Complexo Swift. A programação completa do evento está disponível na página oficial. 

ESPETÁCULOS 

Os espetáculos selecionados e convidados vão desde encenações realistas às experimentações de linguagem, passando pela performance, a alegoria cênica, o humor, o drama, a tragédia e os gêneros que, híbridos, dão conta de ler sobre o tablado um real que também está em pleno trânsito. São obras de 10 estados – São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Pará, Amazonas e Rio Grande do Sul – e do Chile, Colômbia e Espanha, além de uma coprodução Brasil e Itália, e uma leitura dramática de um texto holandês.   

TEATRO E CIDADE  

Além dos espetáculos, as atividades formativas também são destaque no FIT Rio Preto, proporcionando a expansão das realizações no palco ou na rua como cena. A proposta da programação é promover a multiplicação das relações do teatro com a cidade, a partir de diferentes espaços de reflexão, construídos com base na premissa da fuga dos olhares estabelecidos, a fim de se reivindicar um pensar que critica e desconstrói verdades absolutas.   

A curadoria, composta por André Carreira, pesquisador e diretor teatral, e Jé Oliveira, ator, diretor e dramaturgo, desenvolveu para o FIT Rio Preto ações divididas em encontros, mesas, rodas de conversa e intercâmbios, realizados em diferentes locais, pretendendo estabelecer diálogos e aproximações. Uma tentativa de questionar a centralidade de ideias que têm regido o pensamento sobre o teatro, tanto do ponto de vista técnico como ético e político.   

GRANELEIRO  

O Graneleiro, como já é tradição, será o ponto de encontro nas noites do festival, onde artistas e público poderão trocar ideias e acompanhar atrações de diferentes linguagens artísticas, em clima de celebração da vida e da diversidade. Serão sete noites de programação, envolvendo 34 atrações, entre projetos audiovisuais, performances, shows e apresentações de DJs e VJs, além de também servir de palco para espetáculos da programação do festival. Nesta edição, a curadoria ficou a cargo do ator, diretor e produtor Cesar Augusto, da Cia. dos Atores, do Rio de Janeiro (RJ). 

Autor

Da Reportagem Local
Redação de O Regional.

Por Da Reportagem Local | 18 de agosto de 2022
Matrículas para o segundo semestre do Projeto Guri em Santa Adélia estão abertas
Por Da Reportagem Local | 18 de agosto de 2022
‘Movimento e Saúde’ da Unifipa estará em Santa Adélia no sábado
Por Da Reportagem Local | 17 de agosto de 2022
Circuito Sesc de Artes leva atrações gratuitas a praças de cidades da região