Catanduva defende a liderança nesta quarta-feira contra o Itapirense
Partida acontece no Estádio Municipal Silvio Salles, a partir das 20 horas, e é válida pela 3ª rodada do Campeonato Paulista
Crédito: Tamires Estruzani - Na última rodada, Catanduva venceu o Grêmio Prudente por 2 a 1 fora de casa
Por Stella Vicente | 31 de janeiro, 2024

O Catanduva Futebol Clube recebe o Itapirense nesta quarta-feira, dia 31, pelo Campeonato Paulista da Série A3 de 2024. A partida acontece no Estádio Municipal Silvio Salles, a partir das 20 horas, e é válida pela 3ª rodada da competição.

No momento, o Santo é líder com seis pontos conquistados e vem de vitória sobre o Grêmio Prudente por 2 a 1, jogando fora de casa. Já o Itapirense vem de dois empates na competição, contra o São Bernardo e o Desportivo Brasil, ambos por 1 a 1.

“A gente tem que ter sabedoria, os pés no chão, para a sequência. Dois jogos, seis pontos. Mas a gente sabe que a batalha é longa. Então nós temos que ter tranquilidade, saber que quarta-feira já tem outra pedreira”, projetou o técnico do Santo, Ivan Canela.

Para a partida desta quarta-feira no Sílvio Salles, os ingressos estão sendo vendidos para dois setores. Na arquibancada coberta os valores são R$ 30 para a inteira e R$ 15 para a meia-entrada, enquanto na arquibancada geral a inteira custa R$ 20 e a meia-entrada R$ 10.

Os ingressos são gratuitos para crianças de até 14 anos e a retirada deve ser feita até meio-dia desta quarta-feira na loja Território do Esporte, situada na rua Brasil, nº 680, no Centro. Os ingressos gratuitos são válidos apenas para a arquibancada geral.

POLÊMICA

Na rodada anterior, o jogo entre Catanduva e Grêmio Prudente ficou marcado pelas seis substituições feitas pelo Santo, quando apenas cinco são permitidas. O clube de Presidente Prudente afirmou, em nota nas redes sociais, que endereçou ao Tribunal de Justiça Desportiva, requerimento de impugnação da partida, e aguardará o acolhimento.

Segundo o Grêmio Prudente, o ato infringe as regras do jogo e as condições de igualdade que caracterizam o esporte – o chamado fair play. Na visão da equipe prudentina, o agravante maior é o fato de o segundo gol do Catanduva ter sido marcado justamente pelo atleta que teria entrado no jogo por meio da sexta troca, no caso, Thiago Ribeiro.

Autor

Stella Vicente
É repórter de O Regional.

Por Stella Vicente | 13 de abril de 2024
Bax Catanduva recebe o Corinthians na abertura do returno da LBF
Por Stella Vicente | 11 de abril de 2024
Catanduvense é 4º melhor no maior campeonato de fisiculturismo do país
Por Da Reportagem Local | 11 de abril de 2024
Catanduvenses são campeões na Superliga de Xadrez em Fernandópolis