Aluno do Instituto Federal de Catanduva é selecionado para intercâmbio em Portugal
Estudante participa do Programa de Mobilidade Estudantil Internacional
Foto: ARQUIVO PESSOAL - Arthur fala sobre a infraestrutura e oportunidades oferecidas pela universidade
Por Myllayne Lima | 21 de abril, 2022
 

O aluno Arthur Alves Venâncio da Rocha, matriculado no curso de graduação em Engenharia de Controle e Automação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo - IFSP de Catanduva está participando do Programa de Mobilidade Estudantil Internacional, acordo entre o IFSP e o Instituto Politécnico de Bragança (IPB) em Portugal.  

Arthur foi um dos alunos selecionados para cursar um semestre de estudos na universidade parceira e relata a experiência acadêmica em outro país. “Estou dividindo um apartamento com cinco pessoas de diferentes lugares do mundo. Por isso, a cada dia é um choque e aprendizado com as diferentes culturas e costumes.  Na maior parte do tempo a comunicação em casa é feita toda em inglês, isso é incrível! O que tem sido muito bom para conhecer essas culturas e também, conseguir ver que apesar das diferenças temos muitas coisas em comum.” 

O estudante, que está em Portugal desde o mês passado, fala sobre a infraestrutura e oportunidades oferecidas pela universidade. “Mesmo a cidade sendo do interior, com aproximadamente 25 mil habitantes, o campus é grande, tem diferentes laboratórios em todas as áreas o que, ajuda em atividades práticas e projetos, as bibliotecas são bem equipadas com diversos livros referentes aos temas das disciplinas. A faculdade oferece muitas oportunidades aos alunos sejam eles portugueses ou não como projetos de iniciação científica e dupla diplomação. No geral, apesar de muito desafiadora a experiência tem sido muito boa. Posso dizer que tem sido um dos melhores acontecimentos na minha vida.”  

O objetivo do intercâmbio é permitir a realização de estudos, atividades de ensino, pesquisa e extensão no exterior além de proporcionar aos estudantes o conhecimento de outras realidades socioculturais, o desenvolvimento de competências para atuação profissional em ambiente transnacional e o contato com diferentes métodos, técnicas e processos em sua área de formação. 

“Ele retornará para o Brasil no segundo semestre para terminar sua graduação no IFSP Catanduva e, em breve, a instituição receberá um aluno do IPB - Portugal para realizar seus estudos aqui no campus Catanduva”, comemora Marcelo Velloso Heeren, diretor do IFSP Catanduva. 

Autor

Myllayne Lima
Repórter de O Regional.

Por Stella Vicente | 07 de agosto de 2022
Agosto Lilás busca conscientizar a população sobre a violência contra a mulher
Por Da Reportagem Local | 07 de agosto de 2022
Apae Catanduva inicia campanha para construir nova ala para autistas
Por Stella Vicente | 07 de agosto de 2022
Catanduva tem feriado na segunda-feira para celebrar Dia de São Domingos