Profissionais do HPA participam de treinamento sobre cateterismo vesical
Atividades duraram mais de 10 dias e envolveram enfermeiros e coordenadores
Foto: Comunicação/FPA - Equipes participaram do treinamento para reduzir taxas de infecção
Por Da Reportagem Local | 09 de março, 2022

Com o objetivo de capacitar os colaboradores enfermeiros e coordenadores para a execução com técnica correta da passagem do cateterismo vesical e cuidados com o dispositivo, o Hospital Padre Albino realizou treinamento ao longo de mais de 10 dias, em fevereiro.

Os colaboradores, submetidos à todas as normas de segurança, receberam treinamento teórico/prático do manejo e técnica da sondagem vesical de demora e alivio através da enfermeira Ana Lúcia dos Santos, do Núcleo de Educação Permanente.

“A enfermagem desempenha papel de extrema importância no controle de processos infecciosos relacionados à assistência à saúde (IRAS), uma vez que a mesma atua diretamente na colocação do cateter vesical, bem como nos seus cuidados e manutenção”, explica Ana Lúcia.

Para ela, pode-se dizer que a partir do momento em que os profissionais adotam medidas para segurança dos pacientes, essa ação contribui significativamente para a diminuição das taxas de infecção do trato urinário e outros eventos adversos relacionados ao catecismo vesical.

“Desta forma é primordial o treinamento para que se preste cuidado seguro e de qualidade, visando medidas preventivas e a segurança do paciente”, conclui Ana Lúcia.

Autor

Da Reportagem Local
Redação de O Regional

Por Da Reportagem Local | 21 de fevereiro de 2024
Campanha da Unimed Catanduva reforça importância do Fevereiro Roxo
Por Da Reportagem Local | 21 de fevereiro de 2024
Recanto Monsenhor Albino promove palestra sobre Alzheimer
Por Da Reportagem Local | 20 de fevereiro de 2024
Saúde de Urupês realiza campanha Fevereiro Roxo e Laranja