Inmet prevê chuvas para Pernambuco até quinta-feira
Instituto também prevê mais chuva na região metropolitana do Recife
Foto: TV BRASIL - No estado pernambucano, o número de desabrigados já ultrapassou 11 mil
Por Agência Brasil | 06 de junho, 2022

Depois de mais de 125 mortos devido às chuvas intensas em Recife, capital do Pernambuco, e em toda região metropolitana, a previsão é a de que vai continuar chovendo no leste da região Nordeste pelo menos até a próxima quinta-feira.

É o que diz o Instituto Nacional de Meteorologia ( Inmet), que também prevê mais chuva na região metropolitana do Recife, onde o número de pessoas desabrigadas já passou de 11 mil.

Nesta segunda-feira (6), o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais alerta para a possibilidade de alagamentos e inundações urbanas moderadas na Zona da Mata de Pernambuco e na região metropolitana da capital.

Diante da situação, está previsto o início das visitas de agentes comunitários e de saúde treinados pela prefeitura do Recife para avaliar as informações de danos patrimoniais causados pela chuva. A gestão municipal informou que começou a treinar 140 agentes para agilizar o pagamento do Auxílio Emergencial do estado de Pernambuco junto com a prefeitura da capital.

No fim de semana o governo do estado anunciou o Auxílio Pernambuco, no valor de R$ 1.500 para famílias atingidas pelas chuvas, que estão inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). 

A prefeitura do Recife anunciou um auxílio de R$ 1.000 também para as famílias do CadÚnico que moram em áreas de risco reconhecidas pela Defesa Civil. Além disso, a gestão municipal vai aumentar de R$ 200 para R$ 300 o valor do auxílio moradia, com ajuda financeira da Câmara de Vereadores.

Autor

Agência Brasil
Agência Brasil.

Por Agência Brasil | 18 de agosto de 2022
Festa do Peão de Barretos volta na forma presencial após dois anos
Por Agência Brasil | 18 de agosto de 2022
STF: nova Lei de Improbidade não retroage para casos julgados
Por Agência Brasil | 17 de agosto de 2022
Dólar sobe para R$ 5,16 após ata do Banco Central americano