Política e Economia

Vereadores Voltam a Cobrar Posição de Marta Sobre Cartão Alimentação

Um dia depois da data que se comemora o Dia do Funcionário Público, os vereadores de Catanduva voltaram a cobrar uma posição da prefeita Marta Maria do Espírito Santo Lopes sobre o pagamento do cartão alimentação – referente ao ano de 2015.
Benedito Alexandre Pereira, Ditinho Muleta, foi o primeiro a falar sobre o assunto. “Já estamos praticamente iniciando o mês de novembro e, mais uma vez volto a citar que a prefeita assuma um compromisso de pagar o cartão alimentação dos servidores. Eles somente ficarão tranquilos quando souberem se realmente vão receber”, disse o parlamentar.
Que reforçou que o duodécimo da Câmara, em torno de R$ 5 milhões, daria para pagar, conforme cálculos do Sindicato dos Municipiários de Catanduva (Simcat). “O dissídio de 2015 já sabemos que não terá como pagar este ano. Mas com o duodécimo da Câmara ela consegue pagar o cartão alimentação. Pedimos encarecidamente. Assim, todos os servidores terão como presente o cartão alimentação e passarão um Natal melhor”, afirmou. Nilton Lourenço Cândido também falou a respeito. “Quero fazer coro com o Ditinho Muleta, quero que a prefeita Marta que sempre olhou para as pessoas com o coração, de um bom Natal para os servidores. Enaltecer o Pereira que fez um trabalho de eficiência, de economia, um trabalho que conseguiu economizar perto de R$ 5 milhões. Com os pedidos incessantes dos vereadores desta casa, que sempre pediram para que seja pago esse cartão”.
Cândido aproveitou para sugerir a utilização do valor da partilha do pré-sal. “Quero dizer mais, a prefeita pode pagar o cartão com o duodécimo e acredito que com a partilha do pré-sal que o leilão será dia 09 de novembro, Catanduva vai receber em torno de R$ 5 milhões. E esse valor, eu gostaria de pedir para a prefeita encaminhasse para o aumento dos servidores públicos de 2020, ou seja, servidor já não esta recebendo o lá detrás, de 2015 e, em março, é o período do dissídio e ela deveria canalizar esse recurso dessa partilha para essa finalidade”.

Karla Konda
Editora Chefe