Política e Economia

Cândido Sugere Aumento em Abono Permanência Para Reduzir Déficit do IPMC

Assim como no governo Federal, o vereador Nilton Lourenço Cândido defende mudanças no sistema previdenciário municipal. Uma delas foi incluída em requerimento elaborado direcionado a prefeita Marta Maria do Espírito Santo Lopes.
Cândido sugere que a administração faça estudos para aumentar o abono permanência de 14 para 20%. O abono é uma espécie de gratificação para servidores que mesmo em tempo de se aposentar decide permanecer no serviço público.
Segundo o parlamentar, esse aumento no abono poderia incentivar a permanência na ativa de mais servidores e, com isso, “desafogar” o fundo do Instituto de Previdência dos Municipiários (IPMC).
No documento, aprovado pelos demais vereadores e encaminhado ao Executivo, Cândido afirma: “Esclarecendo que a permanência do servidor no quadro efetivo é uma prerrogativa, ou seja, o servidor tem o direito de fazer a opção de se aposentar ou continuar trabalhando e recebendo um abono mensal de 20% a mais sobre os seus vencimentos, acrescido do cartão alimentação”, informa no requerimento.
Em entrevista, o parlamentar afirma que esta seria uma medida para estancar o déficit atuarial do IPMC. “Quando se cria esse mecanismo, o servidor que ganha R$ 1500,00 mais o cartão alimentação, quando aposenta terá apenas no valor do salário. Ele perde o cartão. Com o abono de 20% de permanência, ele vai pensar antes de se aposentar e terá essa opção de ganhar mais”, disse. Cândido afirmou ainda que numa conta rápida – se um funcionário e que recebe R$ 1500 ao mês, permanecer por mais um ano na ativa, o instituto economiza R$ 14,4 mil ao ano, em apenas um servidor.
“Essa seria uma medida e depois poderíamos começar a discutir novas medidas. É uma série de coisa que precisam ser revistas para garantir o futuro dos servidores”.
Conforme o parlamentar, o IPMC possui um déficit atuarial de R$ 300 milhões. Esse déficit é um cálculo feito analisando a possibilidade de pagamentos em 30 anos aos aposentados do serviço público. Uma projeção de todos os gastos.

Karla Konda
Editora Chefe