Política e Economia

Após Impasse, Câmara Autoriza Macchione a Usar Dinheiro da SAEC em Galerias

MACCHIONE conseguiu aval para usar R$ 3,1 milhões da SAEC (Assessoria Câmara)
Assine

Após todo o impasse gerado no Poder Legislativo em torno da utilização do superávit de 2017 da Superintendência de Água e Esgoto (SAEC), os vereadores decidiram autorizar o prefeito Afonso Macchione Neto (PSB) a utilizar parte do dinheiro, apenas R$ 3,1 milhões, para as obras de construções de galerias.
O aval foi dado na sessão extraordinária da última terça-feira, dia 3, quando o projeto do Governo, o segundo tratando do superávit, foi a votação em segunda discussão. O texto já tinha passado em primeira discussão na última sessão antes do recesso parlamentar e agora segue apenas para sanção do chefe do Poder Executivo.
O dinheiro deve ser utilizado para a construção de galerias que se destinam a resolver problemas de alagamentos em pontos específicos da cidade.
“Tem o presente projeto de lei, a finalidade de solicitar autorização para abertura de crédito adicional destinando recursos orçamentários para execução de galerias nas Ruas Mongagua. Altair e Antônio Girol. Os recursos utilizados para o referido crédito adicional suplementar serão provenientes de excesso de arrecadação advindos do repasse financeiro recebido no exercício de 2018 da Superintendência de Água e Esgoto de Catanduva – SAEC a título de superávit financeiro do exercício de 2017”, explicou o prefeito.
A intenção inicial de Macchione era utilizar todo o recurso que sobrou nos cofres da autarquia no ano passado, mais de R$ 15,6 milhões. A maior parte do dinheiro seria aplicada na canalização do Rio São Domingos entre as ruas Ceará e São Paulo estimada em R$ 11,5 milhões, aproximadamente. A Câmara, entretanto, decidiu adiar a votação deste projeto de lei ‘sine die’, ou seja, sem previsão de retorno à pauta. Além disso, os vereadores aprovaram projeto que autorizaria o Governo a usar o mesmo dinheiro para pagar o dissídio de 2015 dos servidores municipais.
De acordo com o prefeito, o projeto da canalização será mantido. Macchione afirmou em entrevista ao Jornal O Regional que utilizaria neste ano o dinheiro da SAEC dentro do limite que ele pode abrir crédito adicional por decreto, ou seja, sem autorização da Câmara.

Nathália Silva
Da Reportagem Local



Assine O Regional

Digital Mensal
R$19,90 / mês
  • Acesso total
  • Computador, Celular ou Tablet
Digital + Impresso (Sáb e Dom)
R$41,70 / mês
  • Acesso total
  • Computador, Celular ou Tablet
  • Jornal impresso aos sábados e domingos
Digital + Impresso (Ter a Dom)
R$65,90 / mês
  • Acesso Total
  • Computador, Celular ou Tablet
  • Jornal Impresso de terça a domingo