Política e Economia

Adequação de Prédio Para Combate a Incêndio Pode Custar Até R$ 230 Mil

Assine

Adequação do prédio da Prefeitura para o combate a incêndio e regularização perante o Corpo de Bombeiros pode custar até R$ 230 mil, segundo estimativa de preços feita pela administração em tomada de preços reaberta. Trata-se de uma das licitações que envolvem o Programa de Modernização da Gestão Tributária e de setores básicos (PMAT), firmado pela Prefeitura e BNDS, com recursos do Desenvolve SP.

O prédio da prefeitura é um dos imóveis públicos que não possuem alvará dos Bombeiros por conta da falta de adequações no combate a incêndio.
A prefeitura pretende contratar empresa que fará portas corta fogo, a colocação de extintores de incêndio de pó químico, de gás carbônico e de água pressurizada, quadro de bombas e central de alarmes de incêndio, corrimão para escadas, detectores de fumaça e iluminação de emergência.

As empresas interessadas em participarem do certame podem retirar o edital no site da prefeitura e tem até às 9 horas do dia 22 de janeiro para apresentarem propostas no setor de licitações da prefeitura.

O edital já tinha sido publicado anteriormente, porém foi suspenso e reaberto. A realização de visita técnica será facultativa, cabendo às pessoas jurídicas interessadas agendarem na Secretaria Municipal de Planejamento, pelo telefone: (17)- 35319193 Vence a empresa que ofertar o menor valor por todos os itens do material descritivo.

Karla Konda
Da Reportagem local