Polícia

Homem Vai Acender Fogão e Tem 70% do Corpo Queimado

Vítimas estavam em prainha de Pongaí quando foi registrado acidente (Divulgação)
Assine O Regional Online

Um homem de 45 anos teria ficado com 70% do corpo queimado após um acidente. Ele que é policial militar teria tentado acender um fogão com álcool, quando teria sido registrada uma explosão e ele foi atingido pelas chamas. Uma mulher que estava ao lado também ficou ferida. O caso foi registrado no último domingo (11) na prainha de Pongaí.
Conforme informações da Polícia Militar, a vítima estaria na prainha com outro amigo policial e duas mulheres. Ao acender o fogão, por motivos a serem esclarecidos, houve explosão e as chamas atingiram o policial e uma mulher de 38 anos que estava com ele. Barriga e pernas de ambos teriam sido atingidas pelo fogo.
O policial e a mulher foram socorridos e encaminhados ao Hospital de Novo Horizonte, que fica a 42 quilômetros de distância de Pongaí. De lá, eles foram transferidos para o Hospital Padre Albino para a Unidade de Tratamento para Queimados. O policial foi de UTI móvel para a unidade médica.
Procurada pela reportagem de O Regional, a assessoria de imprensa do Hospital Padre Albino informou que as famílias do policial e da mulher não autorizaram a divulgação do estado de saúde. O caso é investigado pela Polícia Civil.

Unidade é referência
A Unidade de Tratamento para Queimados (UTQ) de Catanduva é referência no atendimento de acidentes do tipo. Dados de 2016 mostravam que a média era de 21 pacientes atendidos por mês. Nos primeiros oito meses daquele ano, havia internações de 175 moradores, inclusive de outros estados. A maioria dos pacientes tinha faixa etária dos 20 aos 30 anos.
Ainda de acordo com o Hospital, a Unidade registra diversos tipos de queimaduras, desde escaldadura (contato com líquidos aquecidos) até queimaduras por produtos químicos e eletricidade.
A Unidade de Tratamento de Queimados do Hospital Padre Albino atende Catanduva, região e demais pacientes referenciados pela Central de Regulação de Ofertas e Serviços do Estado de São Paulo (CROSS). Entre as cidades que já foram atendidas estão: Caraguatatuba, Pedreira, Espírito Santo do Pinhal, Sebastianópolis, São Manoel, Valentim Gentil, Atibaia, Coroados, Sumaré, Riversul, Borborema, Marília, Ouroeste, Torrinha, São Paulo, Assis, Jaú, Itu, Socorro, Orindiúva, Tatuí, Guararapes, Penápolis, Sertãozinho, Guanabara, Santana do Paraíba, Olímpia, Araraquara, Palestina, Boa Esperança do Sul, Bauru, Pirangi, Novo Horizonte e Catiguá.

Cíntia Souza
Da reportagem local