Peneira Fina

PENEIRA FINA – 27/09/2019

No dia primeiro

A prefeitura de Catanduva deve estar nos últimos preparativos, assim como a Superintendência de Água e Esgoto (Saec) para receber os contribuintes que tem débitos e que querem participar do refis 2019. O programa tem início no dia 1º de outubro, tanto na administração quanto na autarquia. O refis auxilia aqueles que estão inadimplentes a quitarem seus débitos com  redução de juros e parcelar se for preciso.

Para isso

A Prefeitura de Catanduva inicia fase de testes, a partir de 1º de outubro, para o recebimento de pagamento das guias municipais por meio de cartões de débito e crédito à vista. A nova ferramenta estará disponível na Central de Atendimento ao Cidadão e também na Estação Cultura, para o atendimento específico do Refis.

 

Funciona assim

Atualmente, os pagamentos das guias emitidas pela Prefeitura são feitos nas agências, lotéricas ou correspondentes bancários. Em alguns casos, o cidadão precisa enfrentar três filas para cumprir sua tarefa: uma para retirar a guia, outra para pagar e a terceira novamente na Prefeitura para concluir seu pedido.

 

Vencedora

De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento, Emprego e Relação de Trabalho (Semdert), o objetivo é oferecer comodidade e facilitar a vida dos cidadãos, com introdução de um recurso que já faz parte do dia a dia das pessoas. O uso das máquinas de cartão foi efetivado por meio de licitação, cuja vencedora foi a SelfPay.

 

Em todas

Durante a audiência pública realizada pela Secretaria Municipal de Saúde, o secretário Ronaldo Carlos Gonçalves Junior afirmou que até o final do ano todas as unidades de saúde de Catanduva estarão trabalhando no programa Acesso Avançado. Inicialmente, somente as unidades com maior demanda participam e nelas os moradores não precisam agendar consulta.

 

Diminuição

Para o secretário a instalação do Acesso Avançado já demonstra redução de faltas em consultas e em lotação na Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

 

Capacitação

A prefeitura de Catanduva divulgou ontem o encerramento do curso Costura Reta e Overloque, que teve início em junho deste ano. Foram ao todo 160 horas de curso.  As aulas integram parceria firmada entre a Prefeitura de Catanduva e o Senai, com o objetivo de capacitar profissionais para o ingresso no mercado de trabalho.

 

Sarampo

Mais dois casos foram confirmados em Catanduva de sarampo. Dois casos em crianças e que tiveram contagio da doença na cidade e não em outros municípios como os dois primeiros casos registrados. Para aqueles que não estão com a vacina em dia, melhor colocar a barba de molho e já procurar uma unidade de saúde.

 

Aprovado

A Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira proposta determinando que as empresas de seguro devem destinar ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) 2% dos prêmios pagos pelos segurados em contratos de seguros de vida e de acidentes pessoais.  O texto aprovado é o Projeto de Lei 10070/18, do deputado Hiran Gonçalves (PP-RR), que recebeu parecer favorável do deputado Juscelino Filho (DEM-MA). O Samu 192 é um serviço de ambulância que funciona 24 horas e presta atendimento em casos de urgência e emergência médica, como acidentes de trânsito com vítimas. Em 2017, segundo o relator, o serviço atendeu a aproximadamente 164 milhões de habitantes, distribuídos em 3.385 municípios.

 

Pelo whatsapp

A Câmara dos Deputados lançou nesta quarta-feira (25) o Comprove – um canal para checagem de notícias. Por meio do número de WhatsApp (61) 99660-2003, o usuário poderá consultar a veracidade de informações relacionadas à atividade, à estrutura e à administração da Casa e aos deputados federais no desempenho de sua função regimental.

 

Aprovado

O Projeto de Lei da deputada estadual Leticia Aguiar (PSL) autoriza a instalação de placas em Braille que informem o cardápio em estabelecimentos comerciais foi aprovado pela Assembleia Legislativa. Os painéis autorizados são destinados a todos os pontos comerciais que vendem refeições, como restaurantes, lanchonetes e hotéis. O objetivo da proposta é orientar e direcionar pessoas com deficiência visual por meio do sistema de escrita tátil. As placas deverão informar o nome e a composição dos pratos e bebidas, os preços, e todos os outros itens informados nos cardápios impressos. O PL aprovado ainda cria o “Selo Amigo das Pessoas com Deficiência”, que será concedido aos locais que promoverem ações com foco na inclusão.

 

Aqui também temos

Em Catanduva temos uma lei semelhante. Trata-se da Lei Lei 4.766, de 02 de setembro de 2009, elaborada pelo então vereador Vanir Martinho Braz. A Legislação, em vigor e sem alterações desde então, obriga bares, restaurantes e outros estabelecimentos a manterem pelo menos dois cardápios no método braile. Os estabelecimentos que descumprirem as normas pagarão como multa até 10 cestas básicas, que deverão ser distribuídas mensalmente a entidades assistenciais da cidade.

 

Vacinas

A prefeita Marta Maria do Espírito Santo Lopes divulgou que todas as unidades de saúde de Catanduva agora possuem salas de vacinas. “Hoje colocamos para funcionar a nova sala de vacina na UBS do Jardim Sales. O espaço de imunização está com estoque de doses abastecido para atender crianças e adultos. Com isso, atingimos 100% das unidades de saúde com sala de vacinação na cidade, facilitando acesso aos moradores aos serviços de saúde”.