Início - PENEIRA FINA 19/01/2021
Peneira Fina

PENEIRA FINA 19/01/2021

CHEGADA DAS VACINAS
O psicólogo Alexandre Céspedes, diretor administrativo da Secretaria Municipal de Saúde, informou que Catanduva está preparada para receber as vacinas contra a Covid. O carregamento das doses será escoltado pela Polícia Militar na estrada e, dentro da cidade, pela Guarda Civil Municipal. O setor também já esquematizou em tempo recorde uma campanha relâmpago para vacinar os profissionais da saúde, idosos e posteriormente os demais cidadãos.

SECRETÁRIA DA SAÚDE
Em entrevista, a Secretária Cláudia Monteiro falou sobre a expectativa da chegada da vacina para imunização da população. “A ansiedade é muito grande; Não vejo a hora de iniciar essa campanha porque é o que todos nós esperamos. Esta é a expectativa de todos; Lembrando que a vacina é sim esperança para controle da pandemia, mas não podemos esquecer das medidas protetivas que devem somar a vacina: que é a uso de máscara, distanciamento social e a lavagem das mãos, senão nada adiantará termos uma vacina”, disse a secretária.

LOGÍSTICA DA VACINA
Ontem (18), o Governo do estado iniciou a distribuição das vacinas e insumos para imunização contra a COVID-19 nos cinco hospitais-escola do interior: os Hospitais das Clínicas de Campinas, Botucatu, Ribeirão Preto, Marília e o Hospital de Base de São José do Rio Preto (previsão de chegada 20:30 h). No total, cerca de 60 mil profissionais que atuam nesses hospitais serão imunizados contra a COVID-19 com a vacina do Butantan. No período da tarde, outros três caminhões saíram em direção aos HCs de Ribeirão Preto (USP) e Marília (Famema), bem como ao HB de Rio Preto (Funfarme).

DISTRIBUIÇÃO ÀS PREFEITURAS
A partir de hoje, grades de vacinas e insumos também serão enviadas a polos regionais para redistribuição às Prefeituras, com recomendação de prioridade a profissionais de saúde que atuam no combate à pandemia. A campanha de imunização contra a COVID-19 em São Paulo será desenvolvida segundo a disponibilidade das remessas do órgão federal. À medida que o Ministério da Saúde viabilizar mais doses, as novas etapas do cronograma e públicos-alvo da campanha de vacinação contra a COVID-19 serão divulgadas pelo Governo de São Paulo.

VISITA SURPRESA
O Bispo da Diocese de Catanduva, Dom Valdir Mamede, esteve na manhã de ontem na Estação Cultura. Foi recepcionado pela secretária responsável da pasta Luzia Brito Girade. Ele solicitou apoio do Poder Público Municipal na reforma da Igreja Matriz e também a formação de mais músicos para os corais das paróquias. No local o Bispo teceu elogios a administração do novo prefeito Padre Osvaldo.

VISITA SURPRESA II
Secretários que se cuidem, o prefeito de repente aparecerá em sua secretaria e que o sr.(a) tenha um argumento muito bom por não estar em seu posto ou chegando atrasado. Outra coisa que o novo alcaide adotará é perguntar para os cargos comissionados o que eles estão e fazendo pró município/munícipes. O padre parece “bonzinho, mas não é tolo”, ele saberá identificar quem está produzindo e quem não está!
FALTANDO REMÉDIOS
Quem acompanhou as últimas entrevistas com a secretária de saúde de Catanduva tem a impressão que está tudo bem, mas velhos problemas ainda perduram na secretaria. A falta de remédios básicos ainda é notada e logo-logo o povo começará a cobrar o prefeito nas ruas. Procurado por pacientes, o remédio “Glicazida”, dentre outros, não se encontra na rede municipal de saúde desde o ano passado na gestão de Ronaldo Gonçalves. A impressão que dá é que o próprio ex-secretário está cuidando das compras de medicamentos, mas Cláudia não faria isto com Padre Osvaldo; Faria? Cadê os remédios, dona Cláudia?

MAIS EMPREGOS
Ontem (18) ao finalizar mais uma segunda-feira de trabalho, o Prefeito disse em vídeo que esteve reunido com uma empresa que será instalada em Catanduva em um futuro próximo gerando de 900 a 1000 empregos. O comunicado chegou em boa hora para muitos catanduvenses que desde há muito estão trabalhando na informalidade com pouca perspectiva de “quando terão a carteira assinada por uma grande empresa”.

PROCURANDO EMPREGO
Não eleitos no último pleito, ex-vereadores (vários) estão pedindo emprego em entidades conhecidas em Catanduva. A primeira opção foi tentar a prefeitura, depois a Câmara e, agora, em grandes instituições que tem “um caixa sarado” e bem que poderia ajudar quem já ajudou outrora, mas nem todos conseguirão se recolocar do jeito que pretendem. “Desde muito tempo não se via tanto vereador procurando emprego”, disse um cidadão ligado a uma grande instituição.

AUXILIO EMERGENCIAL
O deputado Arthur Lira (PP-AL), candidato à presidência da Câmara dos Deputados, admitiu em entrevista coletiva ontem segunda-feira (18) que o governo federal poderá pagar mais alguns meses de auxílio emergencial, tudo vai depender da aprovação do Orçamento para 2021 e do valor e do número de parcelas do benefício. O líder do PP destacou ainda que a criação de um novo programa inclusivo deverá ficar condicionada à aprovação, pelo Congresso, da chamada PEC Emergencial, que propõe a redução dos gastos públicos por meio de medidas como a redução do salário de servidores, a suspensão de concursos e até o fim de municípios que não puderem se sustentar financeiramente.