Peneira Fina

PENEIRA FINA – 18/06/2019

Deixando claro
Para deixar claro sobre a reportagem de O Regional do último domingo, na qual publicamos que Afonso Macchione Neto foi absolvido em mais uma ação de improbidade administrativa relativa a gastos com carnavais, publicamos essa nota. Macchione não foi processado por conta de gastos com a festa popular apenas uma vez.

Esclarecendo I
Macchione foi cassado depois de investigação de comissão processante da Câmara de Catanduva e, dentre os motivos, estaria à condenação do então chefe do Executivo em primeira e segunda instâncias em um dos processos.

Esclarecendo II
Em momento algum, a reportagem de O Regional afirmou que o ex-prefeito sofreu o impeachment por conta do processo no qual ele foi absolvido. O texto da reportagem explica que Macchione obteve duas vitórias na Justiça em processos relacionados ao carnaval e um processo no qual foi condenado, este sim, relacionado no pedido de cassação. Estamos entendidos?

Licitação
A prefeitura de Catanduva publicou o Ata de Registro de preços para a compra de pisos para instalação em diversos prédios públicos. A administração pretende “gastar” valor estimado de R$ 600 mil, num prazo de 12 meses.

Teste rápido
A Secretaria Municipal de Saúde também está adquirindo testes rápidos de sorologia para diagnóstico de dengue. Uma errata foi publicada no Diário Oficial do Município e consta a compra de 2500 unidades de testes, no valor de R$ 62.200,00.

Espera
O vereador Nilton Lourenço Cândido elaborou requerimento no qual solicita para que a prefeitura de Catanduva, por meio da Secretaria Municipal de Saúde diminua o tempo de espera para a entrega de resultados de exames de sangue (Hemograma).

Semáforo
Já Wilson Aparecido Anastácio, Paraná, solicitou que a prefeita Marta do Espirito Santo Lopes verifique a possibilidade de instalar um semáforo no cruzamento entre as ruas 24 de Fevereiro e Pernambuco. No mesmo requerimento, sugeriu que caso não seja instalado um semáforo, que seja colocada uma lombada para reduzir velocidade no cruzamento.

Muitos pedidos
A prefeita Marta tem recebido um grande número de pedido dos vereadores por meio de requerimentos. Outro apresentado por Paraná diz respeito a instalação de uma academia ao ar livre em área verde do Jardim Pachá.

Interrupção
A SAEC (Superintendência de Água e Esgoto de Catanduva) comunica os moradores sobre interrupções no abastecimento de água, na próxima terça-feira, dia 18 de junho, das 8 às 14 horas. Serão atingidos os seguintes bairros: Del Rey, Agudo Romão II, Top Life, além dos conjuntos de apartamentos da MRV (Casa Nova e Pienza). Na ocasião, a equipe técnica da autarquia fará a instalação de válvulas visando futura automação da referida unidade de reservação. Os serviços seriam executados na última sexta-feira, dia 14, mas acabaram adiados por questões técnicas. A orientação é para que os moradores economizem água durante o período de execução dos serviços. A SAEC pede desculpas pelo transtorno e agradece a compreensão da população.

Hoje tem
Os vereadores da Câmara Municipal de Catanduva apreciam 4 projetos na sessão legislativa que será realizada hoje (18). Todas as proposições encontram-se em primeira discussão. A abertura da sessão está prevista para as 17h30.

Obra
E as obras continuam a Saec divulgou nota que está dando suporte às obras de infraestrutura na Rua Antônio Girol. No trecho com a construção de galerias pluviais pela Prefeitura, equipes da autarquia foram acionadas para executar a substituição de ramais de água e de esgoto. Por isso, a rua pode ser parcialmente interditada.
Protesto
Hoje (18) é dia de Ato Unificado em defesa do Iamspe (Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual). A partir das 10h, servidores vão se manifestar de forma sincronizada em todos os Ceamas do estado (Centros de Atendimento Médico-Ambulatorial). O objetivo é a luta em defesa de um atendimento médico digno e de qualidade para o funcionário público de São Paulo.

Vetado
A deputada Beth Sahão escreveu em sua página oficial na internet que o projeto que ela fez sobre as delegacias das mulheres ficarem abertas 24 horas foi vetado pelo governador João Doria. “É muita desfaçatez. Cumpre-nos lembrar ao governador João Dória sua decisão de vetar meu projeto de lei que garantia funcionamento das delegacias da mulher 24h, inclusive aos sábados, domingos e feriados.”

Da Redação

Adicionar comentário

Clique aqui para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.