Peneira Fina

PENEIRA FINA 16-07-2017

(divulgação/facebook)
Assine O Regional Online

Demora nas creches
O prazo ser aditado por mais seis meses em uma creche tem sido bem comum nos últimos anos em Catanduva. São prorrogações e prorrogações nos contratos e, enquanto isso, a demanda por creche ainda é alta. Nesta sexta-feira foi publicado o aditamento da obra da creche no Jardim Belem, na rua Araraquara. E segundo a prefeitura, o atraso teria ocorrido por conta de demora na liberação de recursos do Governo do Estado. Recentemente, o presidente da FDE esteve em Catanduva e afirmou que o atraso em obras na maioria dos casos tem sido pela troca de mandatos. Os motivos pouco importam se consideramos que temos creches sendo construídas desde 2012 e que ainda não foram colocadas para funcionar.

Recapeamento
Na semana passada, o prefeito Afonso Macchione Neto esteve em São Paulo e assinou um convênio no valor de R$ 100 mil que serão utilizados para recapeamento asfáltico nas ruas da cidade. Tratou-se de uma emenda proposta pelo deputado Orlando Bolçone. A Prefeitura respondeu aos questionamentos de O Regional e indicou quais bairros receberão as melhorias.

São eles
Na previsão da secretaria de obras de Catanduva, receberão o recapeamento ruas dos bairros Parque Glória III e IV. O recape será feito na rua Pitangueiras entre a ruas Armando Gulim e Estância e na rua Penápolis, entre a Ouro Branco até a Estância. Quando as obras serão realizadas ainda não foi divulgado.

Condenação de Lula
Beth Sahão saiu em defesa de Lula pelas redes sociais. Em eu perfil postou “textão” sobre o tema. “o combate à corrupção é algo imprescindível neste País, onde bilhões de reais, que deveriam ir para educação, saúde e geração de emprego, são desviados em esquemas espúrios que beneficiam alguns, em detrimento da maioria da população. Contudo, a luta contra a corrupção tem de ocorrer respeitando o Estado Democrático de Direito e as garantias constitucionais dos indivíduos. Dito isto, considero que a condenação do ex-presidente Lula por Sérgio Moro não surpreende, haja vista o modo extremamente parcial como esse processo foi conduzido pelo magistrado”, disse.

Já tinha decidido
“O juiz, que atua como militante partidário, já havia decidido pela sentença antes mesmo de analisar as evidências do caso. Foi uma decisão política, que visa tão somente inviabilizar a candidatura presidencial de Lula em 2018. Por isso e dada a fragilidade dessa sentença desprovida de provas materiais, acredito que ela será revertida nas instâncias superiores. Vale lembrar que, enquanto Moro condena Lula sem provas, apenas com base em suas convicções, Temer, Jucá, Geddel e Aécio seguem soltos, com mandato e tudo, apesar das fartas provas materiais que pesam contra eles. O objetivo dessa decisão contra Lula não é fazer Justiça, mas sim influenciar o processo político do País”, concluiu a deputada.

Sus
O deputado federal Sinval Malheiros elaborou requerimento direcionado ao ministro da saúde, Ricardo Barros, chamando a atenção para a situação de “colapso” em que se encontram os hospitais filantrópicos e defende o reajuste como solução para o problema. “Em 2015, o Conselho Federal de Medicina realizou levantamento em que apontou que, de 2009 a 2015, havia procedimentos com defasagem do valor pago pelo SUS em até 434%, em comparação com índices de inflação oficial”, afirma o parlamentar em trecho do requerimento, acrescentando que a situação atual é insustentável.

“Essa defasagem justifica a crise pela qual passam as Santas Casas, com dívidas que ultrapassam a casa de R$ 21 bilhões de reais”, acrescenta, reforçando que “o reajuste da Tabela de Procedimentos dos valores pagos às entidades filantrópicas que atuam na saúde pública é a única forma de preservar a própria continuidade desses serviços fundamentais”.,
Sinval Malheiros

Ainda falando em Sus
O secretário municipal de saúde, Ronaldo Gonçalves, comemorou a participação do Congresso Nacional de Secretarias de Saúde e informou que Catanduva foi considerada a “melhor experiência na temática Rede de Atenção.

Cadastramento
Depois de matéria publicada por O Regional, no domingo passado, a Prefeitura de Catanduva publicou no Diário oficial do município a lista de famílias que ainda precisam atualizar dados ou realizar e preenchimento de documentos para o Cadastro único. E não são poucos não. Segundo o Ministério mais de mil pessoas ainda precisam ter o cadastro atualizado.

Autorizado
O governador Geraldo Alckmin autorizou a convocação de 547 professores remanescentes do concurso PEBI (Anos Iniciais do Fundamental – 1º ao 5º ano). O despacho foi publicado na edição de 8 de julho do Diário Oficial de São Paulo e permite que Secretaria da Educação adote, a partir da data, as providências necessárias para nomeação dos docentes.

Da Redação

Patrocinado:




Adicionar comentário

Clique aqui para comentar
Click on a tab to select how you'd like to leave your comment