Início - PENEIRA FINA 11/04/2021
Peneira Fina

PENEIRA FINA 11/04/2021

100 DIAS DO GOVERNO PADRE OSVALDO
Conforme matéria da jornalista Ariane Pio, o Prefeito padre Osvaldo de Oliveira Rosa completou “100 dias” a frente da Prefeitura Municipal de Catanduva. Foram muitos acertos e alguns erros que estão sendo corrigidos ao longo do percurso, a escolha da equipe é uma delas. Tem área que não se viu grandes mudanças e teve áreas que se destacaram positivamente. Como disse o próprio alcaide: “Graças a Deus fui escolhido para ser o prefeito neste momento tão difícil da história humana, o meu tempo vai passar como de outros passaram, virão os próximos prefeitos, mas enquanto estivermos aqui, faremos o melhor possível”, disse.

AUSÊNCIA DO PSDB
Notoriamente o PSDB não estava em peso na cerimônia, faltaram os vereadores ou representantes dos mesmos. Na verdade já passou da hora dos Vinholis “mexerem esse doce” antes que azede. Não é comum ou “não é normal” psdbistas, ao invés de apoiarem o prefeito eleito na sigla, ficarem apoiando projetos apresentados por partidos de oposição, indo assim na contra mão das diretrizes estaduais. Na região, vários partidos deixaram de existir por conta de divisões deste tipo. Outro caso recente na Câmara foi do vereador que se negou a votar com o partido na escolha do presidente. Não concorda com a sigla ou não aceita diretriz do partido? Tem muitos partidos para se filiarem. As agremiações devem se reunir fora de época de eleições e aparar as arestas, esse é o jogo! É bom ressaltar que a juventude do PSDB está presente no governo do padre muito bem representada pelos jovens Caio Fordiani e Victor Daltin, membros do primeiro escalão, os intrépidos estão desempenhando um ótimo trabalho.

“AMARELÃO” O CÃO COMUNITÁRIO
Esta semana acompanhamos postagens na rede social comemorando o resgate pelo Centro de Zoonoses do cão comunitário Amarelão, após ter sido atropelado. Para nós infelizmente não há o que ser comemorado. Amarelão foi atropelado por que não é um cão comunitário é um cão de rua!

ONDE ESTÃO OS ABRIGOS?
Por que a Prefeitura permite que cães e gatos permaneçam vivendo nas ruas da cidade? Por que não cria um Centro de Proteção à Vida Animal como existe em outras cidades? Ter o “cão comunitário”, onde são colocadas “casinhas” nas calçadas, deixando os animais à mercê da própria sorte, vivendo de restos de comida ou doações comprova a incompetência do Poder Público que ocorre há anos!

TRATAMENTO DESUMANO
Imaginem se não fossem animais. Que ao invés de animais fossem pessoas, crianças ou idosos? Você aceitaria conviver com a “criança comunitária”, com o “idoso comunitário”? É claro que não! Então não entendo como pessoas que dizem amar os animais aceitam essa condição desumana que os animais sofrem em Catanduva! Se há abrigos para pessoas nada mais justo do que ter abrigos também aos animais! Prefeito Padre Osvaldo está na hora de abraçar está causa!

POLÍTICA DE DEFESA DOS ANIMAIS
A Prefeitura precisa ter uma política séria de defesa dos animais. Não adianta fazer cara de paisagem e jogar para o setor privado a responsabilidade que é do Poder Público. O setor Pet hoje é um grande negócio e movimenta muito dinheiro, sejam na venda de ração, medicamentos, banho e tosa, serviços veterinários etc., fazendo com que algumas pessoas utilizem o discurso da “causa animal” para alavancarem a renda de seus negócios particulares e fazer política partidária. Aos voluntários de verdade, que fazem sem esperar nada em troca, para estes fica nosso reconhecimento e gratidão!

VOLTA ÀS AULAS
O Governo do Estado anunciou sexta-feira (9) à volta das atividades nas escolas de educação básica a partir de segunda-feira (12) e início das aulas presenciais na quarta-feira (14). A retomada ocorrerá de forma gradual e facultativa, com limite máximo de 35% dos alunos por dia em cada unidade e respeito a todos os demais regramentos de segurança sanitária previstos no Plano São Paulo. Para as escolas da rede estadual, a retomada das aulas ocorre a partir desta quarta-feira (14). As unidades devem aproveitar a segunda (12) e terça-feira (13) para organizarem o calendário escolar e comunicar e orientar as famílias sobre o retorno das atividades.

VACINA DA GRIPE
O Governo do Estado de São Paulo inicia nesta segunda-feira (12) a campanha de vacinação contra gripe, que em 2021 visa atingir uma cobertura mínima de 90% no público de 18,5 milhões de pessoas em SP. O cronograma da campanha é composto por três etapas que se estenderão até 9 de julho. A primeira começa na próxima semana e é destinada aos trabalhadores da Saúde, indígenas, gestantes, puérperas (mulheres com até 45 dias após o parto) e crianças com idade a partir de seis meses até cinco anos completos. Este grupo totaliza 5,5 milhões de pessoas que poderão ser vacinadas até o dia 10 de maio. A partir do dia 11 de maio será a vez dos idosos (pessoas com 60 anos ou mais) e dos professores das redes pública e privada, que somam mais 7,8 milhões de pessoas.

VACINA DA GRIPE II
Já a terceira etapa começa em 9 de junho, alcançando 5,1 milhões pessoas com comorbidades e com deficiência (física, auditiva, visual, intelectual e mental ou múltipla); caminhoneiros, trabalhadores portuários e de transporte coletivo; profissionais das forças armadas, de segurança e salvamento e funcionários do sistema prisional; população privada de liberdade e jovens e adolescentes sob medidas socioeducativas. Seguindo a legislação, deverão ser priorizados nas salas vacinais os idosos com mais de 80 anos e haverá triagem diferenciada e orientações para quem apresentar sintomas respiratórios.