Opinião

CURIOSIDADES NOS AVIÕES – parte II

Esta é uma coletânea do que rola durante um voo. A luz é intencionalmente desligada: As luzes da cabine de passageiros são reduzidas propositalmente durante o pouso e a decolagem. Isso é feito para que os olhos dos passageiros se acostumem com a escuridão. Dessa forma, em caso de uma emergência, as sinalizações de rotas de fuga serão claramente percebidas. Porém, alguns pilotos e comissários afirmam que isso acontecer para economizar energia. Alimentação dos passageiros: A comida num voo não serve apenas para alimentar os passageiros. A refeição oferecida pela tripulação também ajuda entreter as pessoas. Quando você está comendo, o tempo costuma passar mais depressa. Porém, não é algo simples proporcionar alimentação aos clientes. A produção dos alimentos envolve um complexo processo de preparo, armazenamento e logística, feito por grandes empresas e milhares de profissionais. Celulares precisam ser desligados mesmo? Quando entramos no avião, os comissários logo avisam que os celulares devem estar desligados. O seu uso durante decolagem e pouso pode causar pequenas interferência na comunicação entre o piloto e a torre de comando. Porém, já foi comprovado que o uso de aparelhos eletrônicos não tem força para derrubar uma aeronave. Enquanto não se tem certeza absoluta dos seus efeitos no ar, a melhor opção é proibir. Temperatura avião: Segundo algumas pesquisas, existe uma conexão entre temperatura, pressão no avião e perda de consciência causada por hipoxia — falta de oxigênio. Esta pode ser provocada pelo superaquecimento do ar na cabine da aeronave. Por esse motivo, os pilotos deixam a temperatura no interior do avião no nível mais baixo. Não esqueça de levar um casaco na sua próxima viagem! Outra dica: os aviões são mais quentes no fundo. Pilotos só falam o necessário: Você já percebeu que os pilotos não são de muitas palavras? Eles costumam entrar em contato com os passageiros apenas em caso de turbulência ou para dar alguns avisos como temperatura e tempo de voo. E isso tem um motivo: evitar qualquer susto dentro do avião. “Nós contamos aos passageiros o que eles precisam saber. Não contamos coisas que irão assustá-los demais. Você nunca vai me ouvir dizer: ‘Senhoras e senhores, acabamos de ter uma falha no motor’, mesmo se isso for verdade”, revelou Jim Tilmon, piloto aposentado da American Airline. Voz de prisão dentro do avião: Você sabia que qualquer pessoa pode receber voz de prisão dentro da aeronave? Além de cuidar do trajeto, o piloto também tem a autorização de mandar prender um passageiros. Ele pode ainda aplicar multas e até registrar testamentos, caso um passageiro queira fazer isso antes de morrer em um voo. Por questão de hierarquia, o copiloto é o segundo maior comando dentro do avião e, portanto, é ele que assume caso alguma coisa dê errado com o comandante. Poltronas na vertical: As poltronas devem estar na posição vertical para que, em caso de impacto, diminuam o risco de lesões na coluna e para que não obstruam a passagem em caso de emergência. E tem um motivo ainda mais importante! Dessa forma, todo o peso do passageiro fica apoiado sobre a área em que se encontram as suas pernas. Isso aumenta muito a resistência da fixação das poltronas no assoalho da cabine, favorecendo a segurança de todos em caso de desaceleração brusca. As máscaras de oxigênio: Em situações de emergência nas quais as máscaras de oxigênio são usadas, os passageiros têm apenas 15 minutos de oxigênio disponível para respirar. Mas não entre em pânico! É tempo suficiente para o piloto diminuir a altitude para um nível em que você consiga respirar sem problemas. Além disso, as comissárias estão preparadas para auxiliar os passageiros em caso de emergência. (continua na próxima semana)
http://www.desafiomundial.com/br/curiosidades-da-aviao-que-voc-nunca-poderia-imaginar/3/

José Carlos Buch
www.buchadvocacia.com.br
buch@buchadvocacia.com.br

*ARTIGOS ASSINADOS NÃO REFLETEM A OPINIÃO DO JORNAL O REGIONAL

Adicionar comentário

Clique aqui para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

/* ]]> */