Eventos

Bachiana Filarmônica se Apresenta em Catanduva em Comemoração ao Centenário

Mantida pelo SESI-SP e sob a direção do maestro João Carlos Martins, a Bachiana representa ação relevante no apoio à música erudita (Divulgação/SESI)

Em comemoração ao centenário de Catanduva, a Bachiana Filarmônica SESI-SP se apresenta no dia 15 de dezembro, às 20h, na Praça da Matriz. Sob regência do maestro João Carlos Martins, a orquestra presenteia o público com canções como Concerto nº 5 “Imperador” e Love Of My Life. A performance é gratuita, basta comparecer no local, data e horário informados.
Do clássico ao rock, o repertório promete emocionar o público com a interpretação singular da filarmônica para canções de Beethoven, Bach, Mozart, Adoniran Barbosa, The Beatles e Queen. Mais do que uma apresentação, trata-se de um encontro entre os ouvintes e os músicos da orquestra. Ao longo do espetáculo o maestro interage com a plateia e, em um momento especial, assume o piano e relembra sua trajetória como concertista.
Formada por jovens e experientes instrumentistas de diversas idades, sob direção do maestro João Carlos Martins, a Bachiana contribui para a formação de talentos e dissemina a cultura da música erudita por todo o Estado. Esse é um presente do SESI-SP à comunidade da região, em sua missão de promover a qualidade de vida do trabalhador e de seus dependentes.
A programação do Centenário de Catanduva, organizada pela Prefeitura e concretizada por meio de iparcerias, teve início em janeiro e será encerrada com a programação natalina, com destaque para o concerto da Bachiana Filarmônica. Para o evento, Prefeitura e SESI-SP projetam ampla estrutura com palco, som, luz, cadeiras para o público, sanitários e segurança.
Mantida pelo SESI-SP e sob a direção do maestro João Carlos Martins, a Bachiana representa ação relevante no apoio à música erudita e ao desenvolvimento de seus integrantes. Assim, abre múltiplas oportunidades profissionais e leva a cultura da música erudita a milhares de brasileiros. As apresentações abrangem desde o interior do Estado, periferias das grandes cidades, até renomados teatros, difundindo e valorizando a música clássica de alta qualidade técnica e artística.
Considerado um dos maiores intérpretes de Johann Sebastian Bach (1685-1750), o maestro João Carlos Martins (1940) atingiu um patamar raramente alcançado por outros músicos brasileiros no século XX. Um dos pontos altos de sua carreira foi a gravação da obra completa para teclado desse gênio da música. Logo após, devido a problemas físicos, teve que abandonar a carreira de pianista, canalizando sua paixão para a regência.

SERVIÇO:
Bachiana Filarmônica SESI-SP – regência do maestro João Carlos Martins Local: Praça Monsenhor Albino – Igreja Matriz.

Da Reportagem Local