Esportes

Grêmio Catanduvense Se Despede da Série A3 Com Derrota

Grêmio Catanduvense encerrou sua participação na A3 - Foto:  Grêmio Catanduvense
Assine O Regional Online

O Grêmio Catanduvense se despediu com derrota do Campeonato Paulista da Série A3. Em partida válida pela última rodada da primeira fase da competição, no último domingo, o Bruxo perdeu por 2 a 0 diante do Nacional, no Estádio Silvio Salles, em Catanduva. Rebaixado para a Segunda Divisão do Paulista do ano que vem, a equipe catanduvense encerra a participação no campeonato na última colocação da tabela, amargando a lanterna, com nove pontos conquistados.
Em 19 partidas, o Bruxo conseguiu apenas duas vitórias, três empates e 14 derrotas, além dos dois WO, que o time pagou na competição.
A derrota dentro de casa na última partida foi lamentada pelo treinador Rodrigo Deião.
“Lamentamos muito o resultado, mas acontece. Apesar do rebaixamento os meninos estão de parabéns, que mesmo com as dificuldades, terminaram o campeonato de forma digna e lutaram até o final. Agora é seguir em frente e analisar os erros”, disse.
O elenco do catanduvense foi liberado. De acordo com a diretoria, uma reunião será realizada durante essa semana para definir o futuro do clube e a participação na Copa Paulista no meio do ano.

O jogo

A equipe do catanduvense entrou apática no campo. Já o Nacional precisava vencer para garantir a classificação a próxima fase do campeonato e foi atrás do resultado. Sem criar chances e errando passes, o Naça aproveitou as oportunidades e o erro do adversário.
Porém, o meio-campo Caio teve a chance de abrir o placar para os donos da casa, mas desperdiçou. Os visitantes chegaram com perigo com Negueba que também não aproveitou.
Após falha da defesa do catanduvense, Léo Castrou abri o marcado para o Nacional. Sem esbouçar reação, o Naça chegou ao segundo gol com Ewerton.
Na volta para etapa complementar, o catanduvense tentou correr atrás do prejuízo. Após as substituições realizadas pelo técnico Deião, o Bruxo chegava com mais perigo. Aos 12 minutos, Daniel Simões foi derrubado na área, mas o juiz mandou seguir o lance. O Nacional aproveitava a vantagem e ficava administrando a posse de bola, apenas esperando o tempo passar.
O Nacional poderia ter aumentado o placar no final da partida, mas parou no goleiro Daniel, que fez bonitas defesas salvando o catanduvense de uma goleada.
Nos minutos finais do jogo, o Naça acertou a trave do arqueiro do Bruxo.

 

Da Reportagem Local

 

Patrocinado: