Cultura

Violoncelista Fabio Presgrave Vem Para Oficina e Concerto

Presgrave é considerado um dos mais prestigiados violoncelistas do país (Divulgação)
Assine O Regional Online

O violoncelista Fabio Presgrave vem a Catanduva para oficina e concerto. Ele que é carioca reúne uma programação eclética com músicas atuais e clássicas. Presgrave é considerado um dos mais prestigiados violoncelistas do país.
Conforme informações do maestro Misael Salustiano, hoje (21) e quarta-feira (22) haverá a oficina das 14 às 17 horas. Às 19 horas haverá ensaio com a Orquestra Escola de Catanduva (OEC) e na quinta-feira (23) concerto a partir das 20 horas da OEC com a participação de Presgrave. Na programação estão músicas ecléticas que reúnem compositores consagrados como Piotr Ilitch Tchaikovsky, Saint Säes e até mesmo um clássico de Guns N’ Roses.
Nas oficinas, ele mostrará para o público as formas de estudo do instrumento e repertórios de compositores brasileiros e estrangeiros do século XVIII aos dias de hoje. “Todos convidados para mais este belíssimo concerto da Orquestra Escola de Catanduva tendo como convidado o Violoncelista Fabio Soren Presgrave”, disse Misael.

Presgrave é Bacharel e Mestre em Performance pela Juilliard School of Music de Nova York, referência na área. Lá ele estudou com Harvey Shapiro e Joel Krosnick. Quando estava nos Estados Unidos conquistou prêmios como Eleanor Slatkin e Felix Salmond.
O violoncelista já foi solista em orquestras como Qatar Philarmonic, Orquestra Sinfônica Brasileira, Camerata Fukuda, Orquestra Sinfônica da Bahia, Orquestra Sinfônica de Minas Gerais, entre outras.
Presgrave lecionou na Universidade Nacional de Brasília (UNB), Universidade Estadual Paulista (UNESP) além do Instituto Baccarelli. Recebeu em 2006 o Prêmio Carlos Gomes, como membro do Quarteto Camargo Guarnieri. Já foi professor convidado em institutos de música como Juilliard Pre-College, Folkwang Universitat der Kusnte – Essen, Muesnter MusikHochSchule, USP, Seminários Internacionais de Música da UFBA, Curso Internacional de Verão de Brasília, Festival Música nas Montanhas em Poços de Caldas, Semana da Música de Ouro Branco, Festival de Inverno de Domingos Martins e Festival Internacional de Campos do Jordão.
O currículo do violoncelista é vasto com a atuação como regente da Orquestra Sinfônica Brasileira (OSB), da Orquestra Sinfônica da UFRN e da Orquestra de São Braz (MG). Ele é professor efetivo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e Doutor em Música pela UNICAMP.
A apresentação e as oficinas serão no SESC Catanduva.

Cíntia Souza
Da reportagem local