Cultura

Projeto Raízes do Sertão Reúne Cerca de 1.500 Pessoas em Tabapuã

Objetivo atualmente é o de propagar ações de festividades de riqueza histórica (Ape Produções)
Objetivo atualmente é o de propagar ações de festividades de riqueza histórica (Ape Produções)
Assine O Regional Online

OProjeto Raízes do Sertão reuniu cerca de 1.500 pessoas na Estância Pau D’ Alho em Tabapuã. O evento realizado de 14 a 16 de julho, contou com uma programação diversificada para agradar toda região. Durante o projeto, vários eventos de cultura popular foram viabilizados pelo Proac ICMS, pela Secretaria da Cultura e Bebidas Poty.
“O Projeto Raízes do Sertão que está na sua segunda edição, nasceu da vontade de resgatar e preservar costumes típicos do interior paulista. Contou com uma programação diversificada que atendeu um grande público não só do munícipio, mas também de toda região”, disse Josiane Zaccarelli, coordenadora e proponente do Projeto Raízes do Sertão.

No primeiro dia de evento, o público pode conferir apresentação de Folia de Reis e Contação de Histórias. No segundo dia, foi feito o Encontro de Violeiros e a apresentação de Catireiros de Olímpia. No encerramento da festa os visitantes puderam contar com a apresentação do músico Rafa Souza, além da Orquestra de Viola Caipira Mundo Novo e show da dupla de violeiros Divino e Donizete. No final da apresentação, eles presentearam a pessoa mais animada da plateia com uma viola autografada.
“Ainda no dia 16 tivemos a presença de João Paulo Martins, figura ilustre e de grande importância no cenário de tradições típicas e populares, que foi o responsável pela Queima do Alho. Vários artesões da região também se fizeram presentes e se apropriaram do espaço para expor seu trabalho”, explica Josiane.
“É prazeroso despertar o interesse das pessoas por ações culturais que incentivam as artes e a propagação de atividades de importância histórica e cultural. A Estância Pau D’Alho dispõe de um lindo cenário a beira de um rio, conta com uma infraestrutura para realização de eventos, além de ser um espaço de importância cultural, pois nele está localizado o museu Boca do Sertão, espaço aberto a visitações agendadas”, complementa.
O objetivo atualmente é o de propagar ações de festividades de riqueza histórica, através de eventos que foquem nestas tradições. “O projeto Raízes do Sertão deve continuar em sua terceira edição para 2018. Estamos felizes pelo retorno positivo do público e com a parceria e apoio das Bebidas Poty que fez com que este projeto saísse do papel, ganhasse vida e espaço cativo no coração dos interioranos que estiveram presentes no evento”, finaliza Josiane.

Cíntia Souza
Da reportagem local