Cultura

Com Sessões Esgotadas, Filme ‘Nada a Perder’ Chega a Catanduva

Filme ‘Nada a Perder’ chega nesta quinta-feira (29) a Catanduva (Divulgação)
Assine

Com sessões esgotadas, o filme “Nada a Perder” chega nesta quinta-feira (29) a Catanduva. Os ingressos dos quatro primeiros dias terminaram, mas no Templo Sede da Igreja Universal há cortesias. A trama é baseada na biografia do bispo Edir Macedo que teve mais de 7 milhões de exemplares vendidos e foi traduzido para outros cinco idiomas em mais de 60 cidades que pertencem a outros países.
A exemplo do visto em Catanduva, a nível nacional, antes mesmo da estreia, foram 3,1 milhões de ingressos comprados. O resultado mostra que a produção da Paris Filmes tem tudo para ser uma das mais assistidas de 2018.
No filme, o bispo é interpretado por Petrônio Gontijo e o orçamento passa dos R$ 25 milhões, o que é um recorde para o cinema nacional.
A produção do fundador da Universal contou com mais de oito mil figurantes e mil carros antigos que foram alugados para contar a história. As locações somam mais de 150 por todo país. O longa que contou com a direção de Alexandre Avancini pretende superar a de outro filme que também foi sucesso de bilheteria.
Dois anos antes, “Os Dez Mandamentos” atingiu a marca de produção mais assistida com 11,3 milhões de pessoas que foram até as salas de cinema. O resultado é 200 mil maior do que “Tropa de Elite 2” que foi o segundo filme mais visto no Brasil.
O ônibus itinerante também é uma novidade, já que o objetivo é chegar a locais onde não há cinema. A primeira apresentação será nesta quinta-feira em um presídio de São Paulo. A ideia é de que o veículo também esteja em escolas, hospitais, asilos e centros em que estão menores infratores. A expectativa é de que em dois meses, o filme tenha 400 exibições em todo país no formato itinerante.
A imagem que estampa a produção resgata 1992, ano em que Macedo ficou 15 dias preso, denunciado pelo Ministério Público sob a acusação de “delitos de charlatanismo, estelionato e lesão à crendice popular”. A trama se passa de 1950 a 1990 e na biografia, o bispo relembrava personagens bíblicos que passaram pela mesma situação que ele. “José havia sido preso. Daniel, encarcerado numa cova. Pedro sofreu as aflições de virar prisioneiro. A prisão tremeu quando eles oraram”, destacou.
Outras partes da história do bispo não estarão nesta produção, já que há outra sequência foi filmada, mas que ainda não teve data para ser lançada. Ela seria a segunda parte da história do fundador da Igreja Universal.
Para aqueles que ficaram curiosos para conferir de perto a produção. O filme tem seis sessões diárias em Catanduva – 14 horas, 16 horas, 16h30, 18h40, 19 horas e 21h20. No caso daqueles que pretendem buscar por convites cortesias, informações podem ser obtidas na igreja localizada na rua XV de Novembro, nº 52 no bairro São Francisco.

Cíntia Souza
Da Reportagem Local

Assine O Regional

Digital Mensal
R$19,90 / mês
  • Acesso total
  • Computador, Celular ou Tablet
Digital + Impresso (Sáb e Dom)
R$41,70 / mês
  • Acesso total
  • Computador, Celular ou Tablet
  • Jornal impresso aos sábados e domingos
Digital + Impresso (Ter a Dom)
R$65,90 / mês
  • Acesso Total
  • Computador, Celular ou Tablet
  • Jornal Impresso de terça a domingo