Cidades

Vendas do Comércio Para o Dia das Mães Ficam Abaixo do Esperado

As vendas do comércio para o Dia das Mães ficaram abaixo do esperado. A expectativa era de 3,8%, mas o resultado ficou entre 1,7% e 2,2% conforme explica o presidente do Sindicato do Comércio Varejista (Sincomercio Catanduva) Ivo Pinfildi Júnior.
Em entrevista a VOX FM, ele disse que o resultado do Dia das Mães deste ano foi atípico. “Tivemos muita gente nas ruas, nas lojas, comprando seus presentes, mas o crescimento não foi o esperado. Tivemos alguns indicadores que dão conta de 1,7% de crescimento outros 2,2 % de crescimento de maneira geral, em todo o Brasil, mas não atingiu os 3,8% que era uma expectativa considerada. Mas podemos nos dar por felizes nesse momento porque houve um crescimento. A gente fica muito chateado quando há queda nas vendas. Então mesmo com o crescimento não atingindo o esperado foi positivo, dado o aumento positivo nas vendas deste ano”, informou Júnior.
Ele também falou sobre a demora na aprovação de medidas que possam impulsionar a economia do país. “A demora em serem aprovadas as medidas básicas que precisamos que sejam aprovadas para serem colocadas em prática como Reforma da Previdência, Reforma Tributária, Reforma das Leis de Segurança Pública, tudo isso hoje está muito enrolado. Faz com que o mercado, os investidores tenham uma desconfiança muito grande em investir e aplicar. Tudo isso reflete na economia de maneira negativa”, disse o presidente do Sincomercio.
“Realmente, todos nós esperávamos que 2019 com o novo governo fosse um ano de boas notícias, de crescimento nas vendas, economia saindo da estagnação e realmente isso não vem acontecendo. Não temos infelizmente como fazer uma previsão positiva. Acho que se houver melhora significativa, esperávamos isso para o início do segundo semestre, mas agora isso pode acontecer no final do ano e começo de 2020”, finalizou Júnior.

Cíntia Souza
Da Reportagem Local