Cidades

Segunda Etapa Da Campanha De Vacinação Do Sarampo Começa Na Segunda-Feira

Na segunda-feira (18) inicia-se fase da Campanha de Vacinação contra o Sarampo no Brasil todo. De acordo com o último boletim epidemiológico sobre sarampo, a faixa etária foca o número de casos confirmados da doença em adultos. Nos últimos 90 dias de surto ativo, foram confirmados 1.729 casos em pessoas de 20 a 29 anos.
O infectologista Ricardo Santaella de Catanduva explicou sobre a doença e a importância da vacinação nessa segunda fase. “Até um tempo atrás se vacinava a criança aos 12 meses, mas agora se toma aos 12 meses e depois aos 15 meses e já para os adultos que provavelmente tomaram uma só devem tomar a segunda dose para se proteger com mais eficácia. Quanto ao dizer que o vírus teve uma mutação está sendo estudado, mas provavelmente é devido as duas doses da vacina para se proteger mais contra o sarampo, assim as pessoas que estão na dúvida, entre 20 a 39 anos, devem procurar os postos de vacinação para ver se precisa tomar a vacina.”
Ao todo, serão 23 postos para imunização: UBS Central, USF Imperial, USF Flamingo, USF Euclides, USF Santa Rosa, USF Lunardelli, USF Nosso Teto, USF Santo Antônio, USF Gaviolli, USF Pedro Nechar, USF Alpino, USF Bom Pastor, USF Pachá, USF Del Rey, USF Nova Catanduva, USF Solo Sagrado, UBS Vila Soto e UBS Vertoni, USF Theodoro, USF Monte Líbano, UBS Glória, USF Gabriel Hernandez e USF Sales. O atendimento é das 7h às 17h, com horário estendido em algumas unidades.
Nesta fase, haverá o “Dia D” de imunização em 30 de novembro, data final da campanha. Na ocasião, apesar de ser sábado, os postos estarão abertos das 8h às 17h para atender o grupo prioritário. A vacina tríplice viral protege contra o sarampo, caxumba e rubéola.
Em ação prévia à campanha, a Secretaria Municipal de Saúde intensificou a busca ativa aos jovens na faixa etária com indicação para a vacina. O trabalho foi realizado em escolas e faculdades do município.
Para atingir esse público, o Ministério da Saúde aposta em algumas estratégias. Uma delas é a realização da segunda fase da campanha de vacinação em locais de grande circulação dessas pessoas. A ação será realizada em conjunto pelas três esferas do governo federal, estadual e municipal. Em Catanduva, há cinco casos positivos de sarampo.

Ariane Pio
Da Reportagem Local