Cidades

Professor de Robótica de Catanduva apresenta projeto em conferência

O professor Diego Bruno da Fatec de Catanduva esteve ontem (03), na Conferência Internacional de Robótica Avançada (The International Conference on Advanced Robotics – ICAR), que está sendo realizada na cidade de Belo Horizonte. O catanduvense esteve no evento apresentando o um projeto sobre atenção visual para veículos autônomos.
“O projeto foi desenvolvido em parceria com a USP de São Carlos e basicamente a ideia é que um veículo consiga detectar problemas na rua, pista em obras, acidente na pista e informar para o carro autônomo para ele tomar uma decisão segura para que o motorista não sofra um acidente.
O intuito também é ajudar pessoas que não viram essas situações na rua por alguma distração e o sistema detecta automaticamente e informa para a pessoa sobre a situação de risco,” comentou o professor. O foco do projeto é diminuir o número de acidentes.
“A ideia é que com esse sistema que eu desenvolvi os acidentes de trânsito reduzam por meio da inteligência artificial e visão computacional robótica aplicada para veículos robotizados”, finalizou.
A 19ª Conferência Internacional de Robótica Avançada (ICAR), é uma das mais antigas e prestigiadas conferências de robótica do mundo e está sendo realizada no Brasil entre os dias 2 e 6 de Dezembro, sediada pela Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG.
O programa técnico do ICAR consiste em palestras plenárias, workshops e apresentações orais de todas as áreas da robótica, com foco em paradigmas emergentes e áreas de aplicação, incluindo, mas não se limitando a: visão robótica, planejamento contraditório, robótica cognitiva, sistemas operacionais de robôs, arquiteturas robóticas, simulação e visualização, robôs móveis, enxames de robôs, robôs humanóides, robôs de inspiração biológica, auto-localização e navegação, hardware incorporado e móvel, cognição espacial, entretenimento robótico, interação humano-robô, competições de robôs, sistemas multirobô, robôs aéreos não tripulados, robôs de busca e resgate, sistemas robóticos submarinos, aprendizagem e adaptação, robótica educacional, cooperação e competição, robótica de reabilitação, dinâmica e controle, e robótica imersiva.

Myllaynne Lima
Da Reportagem Local