Cidades

Pesquisa Aponta Que Churrasco Do Carnaval ‘Esquenta’ Venda No Varejo Em 2,5%

O carnaval de 2020 está deixando os supermercados bem otimistas em relação as vendas. Essa é uma pesquisa que a Associação Paulista de Supermercados (APAS) com previsão que neste ano haverá um aumento de vendas reais para o Carnaval de 2,5% na comparação com 2019. A maior perspectiva de vendas está nas bebidas destiladas e carnes.
Entre as bebidas alcoólicas, a expectativa dos supermercadistas é que a venda de destilados supere a cerveja (+8,1% contra +7,3%). Outros itens que envolvem o churrasco como o gelo, carvão e cortes típicos bovinos devem registrar aumento de vendas acima de 6,5%.
A pesquisa com os supermercadistas aponta que durante o Carnaval, se os termómetros subirem, a venda de sorvetes pode registrar 50% acima da média diária. Independente da temperatura, o esperado é que a venda em relação ao ano passado seja maior em +7,5%, sendo o foco nas marcas de segunda linha, encontrado em Minimercados.
“Teremos um Carnaval com preços contidos neste ano. Os produtos não devem sofrer aumentos. No caso das carnes bovinas típicas de churrasco o preço deve se manter após a queda de -5% registrada em janeiro. Já nas bebidas, a vodka deve apresentar o maior aumento entre as bebidas alcoólicas”, explica Thiago Berka, economista da APAS.
Para cidades que tem o carnaval de rua ou blocos de rua, o preço praticado por vendedores oficiais das bebidas alcoólicas, apresenta a formatação de três latas de 269 ml por R$12, ou seja, R$ 4 por lata. Simulando a economia, o consumidor que beber 10 latas deixará de gastar R$13, se somarmos o consumo em três dias de folia, a economia pode chegar em R$ 40. Curiosamente, este valor é maior que um fardo de 15 unidades de 269 ml que custa em média entre R$ 34 e R$ 36.

Myllaynne Lima
Da Reportagem Local

%d blogueiros gostam disto: