Início - PENEIRA FINA 22/07/2020

PENEIRA FINA 22/07/2020

Mais manifestação
E ontem foi a vez dos motoristas de transporte escolar fazerem manifestação pelas ruas da cidade. A concentração foi realizada na Praça do Aeroporto. Mais de 25 veículos que transportam crianças e adolescentes para as escolas participaram da manifestação. O motivo: Os profissionais reivindicam apoio durante a pandemia. Parados desde quando as aulas foram suspensas, os profissionais pedem atenção dos governos para incentivos e auxilio municipal. A carreata percorreu as principais ruas de Catanduva e também dos bairros. Cartazes foram colocados nos veículos. E no início da manifestação, cada profissional ajoelhou em frente ao seu veículo e fez uma oração.

Mais duas mortes
Catanduva registrou mais duas mortes provocadas pela Covid-19. Com esses dois pacientes, sobem para 37 óbitos na cidade. As vítimas – Homem, 88 anos, morador do Centro que estava internado no Hospital Unimed São Domingos. E uma mulher, de 69 anos, moradora do Martani, no Hospital Emílio Carlos.

Casos
De acordo com o novo boletim epidemiológico, Catanduva tem 1165 casos confirmados de Covid-19. 1495 ainda são considerados suspeitos. 2605 foram descartados. 1008 pacientes estão curados.

Portaria
O Ministério da Saúde publicou, na terça-feira (21/7), a Portaria Nº 1.792, que torna obrigatória a notificação à pasta de todos os resultados de testes diagnóstico para detecção da Covid-19. A obrigatoriedade vale para todos os laboratórios da rede pública, rede privada, universitários e quaisquer outros, em todo território nacional. A notificação deverá ser realizada no prazo de até 24 horas a partir do resultado do teste, mediante registro e transmissão de informações na Rede Nacional de Dados em Saúde (RNDS).

Portaria I
De acordo com a publicação, deverão ser notificados ao Ministério da Saúde todos os resultados de testes diagnóstico realizados, sejam positivos, negativos, inconclusivos e correlatos, em qualquer que seja a metodologia de testagem utilizada. Os resultados de exames laboratoriais feitos pelos laboratórios privados devem ser disponibilizados para os gestores locais do Sistema Único de Saúde (SUS) para atualização e conclusão da investigação. A notificação ficará a cargo dos gestores e responsáveis dos respectivos laboratórios e será fiscalizada pelo gestor de saúde local.

Monitoramento
A rodoviária em Catanduva agora terá monitoramento. Mas muitas pessoas devem se lembrar que Catanduva tinha um sistema de monitoramento da cidade, com câmeras em diversos pontos, implantado há aproximadamente 10 anos. Havia uma central de monitoramento no Batalhão da Polícia Militar. Mas com o passar dos anos, as câmeras foram quebrando, em alguns pontos, vândalos destruíam e a cidade deixou de ser monitorada. Por um bom tempo, a vigilância auxiliou as polícias para identificar suspeitos de crimes.

Vacinação
A segunda fase da Campanha de Vacinação contra o Sarampo começou nesta quarta-feira, dia 15. Catanduva seguirá as recomendações do Ministério da Saúde, com imunização destinada à população de 6 meses a 29 anos e de 30 a 49 anos. A etapa busca intensificar a cobertura vacinal, visto que alguns municípios paulistas já registraram a circulação ativa do vírus, além de conter o avanço da doença. Para a faixa etária compreendida entre 6 meses a 29 anos, a vacinação será seletiva, ou seja, será aplicada apenas se não houver registro da vacina na carteira de vacinação. Por isso, é fundamental que o morador apresente sua carteira ao profissional de saúde. No grupo de 30 a 49 anos, todos deverão ser vacinados, independente de apresentar dose registrada anteriormente.

Última dia
Por conta das eleições municipais, o padre Osvaldo de Oliveira Rosa deixa, segundo informações, a Paróquia Imaculada Conceição. Padre Osvaldo é pré-candidato a prefeito de Catanduva.

Debate
A Escola de Políticas Públicas e Governo da Fundação Getulio Vargas (FGV EPPG) realizará no dia 22 de julho, das 19h às 20h, um webinar gratuito com a finalidade de repercutir como a governança pode fortalecer a qualidade do serviço público. Participam do debate: Augusto Nardes, Ministro do Tribunal de Contas da União; Edson Kondo e Fernando Filgueiras, diretor e professor da FGV EPPG, respectivamente. A moderação será da Graziella Testa, professora da FGV EPPG. O evento tem a finalidade de abordar a importância da governança para a melhoria da qualidade do serviço público, a partir de indicadores e resultados dos trabalhos realizados pelo Tribunal de Contas da União, como o Índice Geral de Governança Pública, de Gestão de Pessoas, de Contratações e afins. A partir dessas informações é possível verificar as falhas e fraquezas, assim como as oportunidades e forças na Administração Pública.

Inscrições
Os interessados em participar devem fazer a inscrição pelo link: http://portal.fgv.br/eventos/webinar-governanca-pode-fortalecer-qualidade-servico-publico. Após o cadastro, os participantes receberão o endereço por e-mail.

Bares
Muitos bares e restaurantes espalhados pelo Brasil retomaram suas atividades após flexibilização das quarentenas. Entretanto, o movimento destes estabelecimentos foi baixo nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Ceará, onde o comércio já retomou as atividades com restrições. Segundo o Sindicato dos Lojistas de São Paulo, o comércio paulista teve um fluxo de 10 a 20% do movimento normal nos primeiros dias. Já no Ceará, onde bares e restaurantes também foram liberados com restrições, a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do estado (Abrasel) aponta que apenas 40% dos estabelecimentos conseguiram voltar logo nos primeiros dias da retomada. No Rio de Janeiro, O Sindicato de Bares e Restaurantes aponta que, apesar da reabertura permitida desde o início de julho, cinco em cada 10 bares acreditam que vão demitir funcionários após a pandemia. Em Catanduva, o setor ainda permanece fechado para consumo no local.

%d blogueiros gostam disto: