Início - PENEIRA FINA 04/09/2020
Cidades

PENEIRA FINA 04/09/2020

CIDADE ESCURA
“Poste apagado na rua, poste apagado na Prefeitura”. Foi esta denominação que tivemos de um morador do Parque Iracema as margens do Lago dos Ipês que reclama há semanas pela iluminação no local.

POSTE APAGADO
Com uma das luminárias mais caras de Catanduva o Lago dos Ipês segue parcialmente no escuro há semanas, um morador chegou chamar de “poste apagado na prefeitura” a Sra Prefeita Marta que passou por lá só no dia de campeonato de pesca (Out/2019) que pra variar, ninguém pegou peixe. (Eu entendi que a prefeita é um poste apagado).

MAIS ESCURO
Outra reclamação recorrente sem solução é dos fiéis da Igreja da Catedral do Santuário na Vila Mota; A praça se encontra as escuras e depois de muito pedirem sem sucesso, estão recorrendo ao “Peneira Fina” para poder sair da escuridão que os assola. Será que a Prefeita Marta não pode “ser luz” no caminho destas pessoas? Ela, salvo engano, cresceu ali pelos arredores do Santuário e bem que poderia interceder junto aos anjos do setor elétrico da prefeitura e livrar-nos de tanta treva.

PARENTE DA PREFEITA
Arthur do Espírito Santo Neto, também conhecido com “sobrinho da Marta”, ou melhor ainda como Presidente do Conselho Municipal de Saúde, está questionando a Câmara Municipal e seus vereadores, para saber quais projetos foram propostos na área de saúde pelo Legislativo Municipal. Contudo a pergunta que não quer calar é quais as medidas que o Presidente apresentou para a saúde de Catanduva.

RELATÓRIO PELA METADE
A algum tempo atrás, Arthur enviou para a Promotoria de Justiça relatório de vistorias realizadas por Conselheiros nos postos de saúde, faltando uma parte e foi questionado pelo Conselheiro Veteri sobre esse fato.

ATUAÇÃO DO CONSELHO
O Presidente do Conselho teve sua atuação questionado por outros conselheiros durante sua gestão, já que a proximidade com a Prefeita, mesmo quando ela ocupava o cargo de vice, deixavam alguns conselheiros ouvidos por esta coluna em dúvida sobre sua independência.

ATUAÇÃO DO CONSELHO II
Coisas que só acontecem em Catanduva, o Ilustríssimo se propõe a presidir algo, não comparece na maioria das “blits” promovidas pelos conselheiros que honram suas proposituras que é a de fiscalizar a saúde pública e agora Arthurzinho aparece nos 46,5 do segundo tempo querendo cobrar a Câmara?

PEDIMOS
Dr. Arthur mande-nos números , locais e data que o Sr. visitou NA COMPANHIA DOS COLEGAS CONSELHEIROS a UPA entre outros postos de atendimento do setor de saúde do município durante sua gestão pra gente tentar elogia-lo. (Não vale visitas como médico pois o Sr. foi remunerado pra isso).

TELEFONISTA, LIGUE-ME COM
Em tempos tem pandemia de Coronavírus, Afonso e Marta Maria, ficou complicado falar com alguém na prefeitura via telefone, qualquer problema seja ele qual for, você será jogado para 17 pessoas em 17 ramais e nenhuma irá abraçar o problema e resolver logo de cara.

O “PROTELAR” CONTINUA
Em contato com a prefeitura via telefone, um empresário com ideia de investir em Catanduva, vai ser jogado de um lado para o outro, de ramal em ramal com nenhuma resposta satisfatória as suas questões; Outrossim, o cidadão Catanduvense idem!
Colapsados
Para o infectologista Ricardo Santaella a Saúde de Catanduva, principalmente, quando se fala em Sistema Único de Saúde, já está colapsada. Com números ainda informou: O primeiro caso de Covid-19 foi registrado no dia 29 de março. Para chegarmos aos 100 primeiros casos foram 54 dias. “Hoje estamos fazendo 100 casos a cada semana. Em óbitos, para chegar nos 10 primeiros foram 68 dias. Agora, quase um óbito por dia”.