Início - Ministério Público Pede Adiamento de Júris em Catanduva

Ministério Público Pede Adiamento de Júris em Catanduva

Divulgação

O Ministério Público de Catanduva, por meio do 3º promotor de Justiça, Yves Atahualpa Pinto, solicitou ao juiz da 1ª Vara Criminal de Catanduva o adiamento de realização de Júris enquanto as estatísticas sanitárias de saúde pública não indiquem níveis seguros para a realização das sessões.
O pedido foi protocolado no último dia 17 de agosto. Três sessões de Júri estão marcadas – para os dias 25 e 31 de agosto e dia 03 de setembro.
“Considerando o status quo atual determinado pela pandemia da Covid-19 e em especial fatos novos constatados nesta cidade, venho requerer o adiamento do julgamento em epígrafe para ocasião oportuna e sanitariamente livre de qualquer risco”, afirma no documento.
O promotor ressalta ainda que o requerimento se prende às circunstâncias de que o último boletim epidemiológico expedido semanalmente pela Secretaria Municipal de Saúde, em relação à Covid-19, em 10 de agosto, o município e região apresenta curva ascendente de casos positivos, tendo inclusive ocorrido casos entre funcionários do Fórum, conforme noticiado pela imprensa e veiculado em mídias sociais. “O que gera risco de contaminação, apreensão e insegurança na comunidade e consequentemente no corpo de jurados e nos servidores que devem obrigatoriamente atuar na sessão de julgamentos”. Ainda não há informações sobre a decisão do Juiz da 1ª Vara Criminal.

Karla Konda
Editora Chefe