Início - Ministério da Justiça Envia Equipamentos de Proteção Para GCM

Ministério da Justiça Envia Equipamentos de Proteção Para GCM

Divulgação

O Ministério da Justiça enviou para a Guarda Civil Municipal (GCM) de Catanduva equipamentos de proteção para serem utilizados durante as atividades nesse período de pandemia do coronavírus.
Os EPIs foram destinados por intermédio da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp).
De acordo com a assessoria de comunicação da Prefeitura, os GCMs receberam 2.777 máscaras cirúrgicas feitas de TNT, 2.8 mil luvas cirúrgicas e 111 frascos de álcool em gel de 500 ml.
A GCM local está entre 212 corporações municipais do país a obter a destinação dos equipamentos, por estar devidamente regulamentada perante o órgão. Sua condição também permite firmar convênios com a União.
Essa qualificação de credenciamento foi divulgada há dois meses pelo Ministério da Justiça.
Para estar apta, a GCM precisava seguir regras estabelecidas. Ter uma lei em vigor de sua criação, apresentar edital de último concurso público realizado, ter um regulamento sobre as competências, nomeação de comando por servidor da própria guarda, profissionais com cargos e plano de carreira próprio, ter uma corregedoria, ouvidoria, e código de conduta profissional, manter um percentual do efetivo do sexo feminino e outros.
“Os equipamentos são de grande valia para os agentes que estão na ativa, trabalhando na área da segurança durante a pandemia. Além disso, ser escolhido pelo Ministério da Justiça para receber os equipamentos, mostra a seriedade como temos conduzido os nossos trabalhos, tanto nas ruas como administrativamente”, afirmou o comandante da GCM, Luiz Carlos Larocca, por meio da assessoria de comunicação.
Além da ronda ostensiva – 24 horas – a GCM tem direcionado atenção a denúncias e diligências relacionadas à covid-19. O alvo é conter abusos às regras da quarentena. Os chamados podem ser feito pelo telefone 153.

Karla Konda
Editora Chefe

%d blogueiros gostam disto: