Lojas de Catanduva Começam Atendimento On-Line Como Segurança Ao Coronavirus

O Regional

Muitos comerciantes de roupas e calçados estão evitando atendimento nas lojas e optando por atendimento on-line. Essa nova alternativa visa a segurança dos clientes e profissionais para evitar a transmissão do COVID-19. Vendas on-line não é novidade, mas o que fica a novidade é a loja fechada e o atendimento digital como é o caso da empresária Luiza Estenio, que possui uma loja no centro de roupas e calçados. Ela conta que teme muito mais a doença que as perdas econômicas e prefere seguir a risca as medidas de isolamento. Além disso, ela prima pela saúde de seus funcionários e clientes.
Outro fator importante é que ela começou uma força tarefa em seu instagram e Facebook onde posta muitos looks e da qual rende muitas curtidas e partir dai surgem muitos pedidos de condicional. Luiza conta que fica apenas uma funcionária na loja para ligar ao entregador e levar os pedidos ou buscar os pedidos que não deram certo. “ Como já fazíamos esse esquema estamos bem seguindo o fluxo, o estranho é estar com a porta da loja física fechada mas continuamos a trabalhar, as outras meninas que estão em casa, cada uma toma conta de uma rede social. Sei que daqui a pouco tudo isso passa e vamos nos recuperar de perdas econômicas, o importante é a saúde para correr atrás dos nossos sonhos” finaliza a empresária. Por enquanto, não há determinação em Catanduva de comércio totalmente fechado. Mas os sindicatos que defendem a categoria já orientam sobre os atendimentos de forma online e deliverys.

Ariane Pio
Da Reportagem Local