Internacional

Atirador da Escola da Florida já Dava Sinais de Desequilíbrio e Agressividade

Nikolas Cruz de uniforme laranja ao lado da advogada no momento em que foi indiciado (Divulgação)
Assine
Nikolas Cruz, de 19 anos, foi condenado à prisão acusado de homicídio doloso. O jovem confessou ter aberto fogo na última quarta-feira (14), em um atentado à escola Marjory Stoneman Douglas High School, em Parkland (FL), no que se tornou um dos tiroteios em escola mais mortais na história dos EUA, resultando na morte de 17 pessoas. Esse foi o maior atentado a uma escola desde Sandy Hook, em Connecticut, que matou 28 pessoas (20 crianças) em 2012.
Na manhã desta quinta-feira (15) a juíza Kim Mollica ordenou que  Cruz fosse mantido detido em Broward’s Main Jail, em Fort Lauderdale, sem liberdade condicional ou pagamento de fiança até o dia de seu julgamento. Cruz estava vestindo um macacão laranja e com as mãos algemadas na cintura durante a audiência. Sua defesa pública Melisa McNeill não contestou a ordem e manteve seu braço em torno de Cruz durante a breve audiência.
De acordo com uma declaração jurada de prisão, Cruz confessou o tiroteio e disse que ele trouxe munição extra para o rifle com que efetuou os disparos, também admitiu que, quando os alunos começaram a fugir do campus a pé, ele decidiu abandonar a arma e trocar de roupa para que ele pudesse se misturar na multidão.
O tiroteio mergulhou a nação de volta em um tema frequentemente abordado e delicado nos EUA. Estudantes da escola trouxeram a necessidade de falar sobre o controle de armas, mas o presidente Donald Trump não mencionou armas quando ele se dirigiu à nação sobre o massacre.
“Nossa nação inteira, com um coração pesado, está rezando pelas vítimas e suas famílias”, disse Trump, acrescentando que “seu sofrimento também é nosso fardo”.
Trump disse que pretende atacar o problema da saúde mental para evitar novos tiroteios.
GAROTO PROBLEMA
Cruz e seu jovem irmão, Zachary Cruz, foram adotados quando jovens por Lynda e Roger Cruz. Seu pai adotivo morreu em 2004, de acordo com registros judiciais. E o comportamento perturbador de Cruz piorou quando envelheceu em um bairro tranquilo de casas espaçosas.
Amante de armas de fogo, postava fotos em suas redes sociais exibindo -se com armas, facas e animais mortos.  Um vizinho relatou que uma vez o viu atirando contra as galinhas de um outro vizinho. Outros vizinhos também relataram que ele atirava em esquilos, lagartos e até porcos.
Cruz tinha problemas também na escola, onde já havia sido suspenso por brigas e por levar munição na mochila, o que levou aos diretores da escola a proibi-lo de ter uma mochila, de acordo com estudantes. Mais tarde, ele foi expulso por “razões disciplinares” – embora exatamente por que ele permanece desconhecido.
Apesar de seu comportamento alarmante ao longo dos anos, Cruz não teve registro de prisões. Ele conseguiu comprar um rifle AR-15 de calibre .223 da Sunrise Tactical, uma loja de armas em Coral Springs, em fevereiro de 2017.
Ironicamente, Cruz não poderia ter comprado uma arma de fogo de porte menor, como uma pistola Glock de 9mm, porque o comprador deve ter pelo menos 21 anos de acordo com a lei dos EUA. No entanto, qualquer pessoa com pelo menos 18 anos e limpa de antecedentes criminais pode comprar legalmente um rifle ou espingarda nos Estados Unidos.
Aqueles que conheciam Nikolas Cruz e sua história de comportamento antissocial expressaram pouco choque quando ele foi identificado como o atirador no pior massacre escolar da Flórida.
Cruz inclusive já havia dito que iria entrar atirando na escola e mataria a todos.
A polícia repetidamente visitou sua casa de Parkland por causa de seu comportamento errático, às vezes violento, que incluía atacar o carro de um vizinho com ovos. Ele atormentava animais, atirando em roedores e galinhas com uma BB Gun (arma de brinquedo de ar comprimido que dispara bolinhas de plástico ou metal).
“Essa criança sempre teve um olhar extremamente frio”, disse o vizinho Rhonda Roxburgh. “Ele ia machucar alguém. Eu simplesmente não sabia que seria tão ruim assim.”
O ATENTADO
– Cruz foi capturado por oficiais menos de uma hora depois de abrir fogo e matar 17 pessoas com seu rifle AR-15
O Sheriff Scott Israel, de Broward, revelou que Cruz foi de Uber para a escola em posse de seu rifle AR-15, uma mochila com munição extra, além de equipamentos como, uma máscara de gás e granadas de fumaça.
De acordo com a linha do tempo detalhada à imprensa, Cruz chegou à escola de Uber às 14h19 do horário local (17h19 do horário de Brasília). Três minutos mais tarde, os alarmes de incêndio da escola dispararam, devido as granadas de fumaça, e enquanto os alunos evacuavam as salas de aula, Cruz carregou seu rifle e começou a disparar nos corredores. Durante cerca de 15 minutos, ele atirou dentro de cinco salas de aula nos três andares da escola.
Às 14h34 do horário local, ele largou sua mochila e rifle no terceiro e último andar e desceu as escadas da escola correndo, misturado à multidão de alunos, passando assim despercebido. Ele caminhou por pouco mais de 1 Km até um Walmart próximo, comprou uma bebida no Subway e continuou caminhando por mais 1 Km.
 Às 15h, ele sentou em um McDonald’s por um período e saiu andando novamente. Cruz só foi detido 40 minutos mais tarde pela polícia quando caminhava pela calçada.
Doze das vítimas foram encontradas mortas dentro da escola, enquanto outras três morreram fora do prédio e mais duas morreram em um hospital da área.
Além das 17 fatalidades, mais pacientes permanecem em hospitais do condado de Broward – incluindo cinco em estado crítico de acordo com funcionários do Hospital Broward Health North. Este foi o 14º tiroteio em escolas nos EUA só neste ano.
Luan Vaz Barbosa
Correspondente nos EUA

Assine O Regional

Digital Mensal
R$21,30 / mês
  • Acesso total
  • Computador, Celular ou Tablet
Digital + Impresso(Sáb e Dom)
R$44,60 / mês
  • Acesso total
  • Computador, Celular ou Tablet
  • Jornal impresso aos sábados e domingos
Digital + Impresso (Ter a Dom)
R$70,50 / mês
  • Acesso Total
  • Computador, Celular ou Tablet
  • Jornal Impresso de terça a domingo
Digital Anual
R$189,40 / ano
  • Acesso Total
  • Computador, Celular ou Tablet
Digital Anual + ImpressoTerça a Domingo
R$614,10 / ano
  • Acesso Total
  • Computador, Celular ou Tablet
  • Jornal Impresso de terça a domingo