Início - Fundação Padre Albino Monta Tenda de Triagem Para Suspeitos da COVID-19

Fundação Padre Albino Monta Tenda de Triagem Para Suspeitos da COVID-19

FPA

Na quinta-feira (30), a Fundação Padre Albino ativou a tenda de triagem pré-hospitalar para atendimento aos pacientes que apresentem sintomas respiratórios. O aumento progressivo dos casos suspeitos ou confirmados para COVID-19 que necessitam de cuidados especializados na Unidade para Respiratórios Agudos (URA), instalada no Hospital Emílio Carlos, elevou o nível de resposta da instituição, seguindo o Plano de Enfrentamento a COVID-19 publicado no início da pandemia.
“Esse equipamento será responsável por realizar o primeiro atendimento a todo paciente que apresentar sintomas respiratórios, realizando a triagem e indicando o tratamento individual adequado a cada caso”, informou o diretor médico do Hospital Padre Albino, Dr. Luís Fernando Colla.
De acordo com ele, esse serviço já era realizado dentro da unidade hospitalar, mas, com a evolução dos casos, foi necessário aumentar o espaço destinado a esse tipo de atendimento, garantindo assim a segurança dos pacientes. A tenda de triagem está equipada com sala de espera, consultórios médicos, baias de repouso individuais, com suporte de oxigênio, sala de emergência totalmente equipada para atendimento e estabilização das urgências, além de equipe multidisciplinar dimensionada e treinada para garantir a assistência adequada aos pacientes. “Os casos graves e que necessitarem de internação serão encaminhados para a unidade hospitalar para continuidade do tratamento”, explicou Dr. Colla.
O diretor ressaltou que se trata de estratégia robusta baseada em experiências de enfrentamento a catástrofes internacionalmente visando à ampliação da capacidade de atendimento, garantindo os recursos necessários em espaço amplo e adequado. Dr. Colla salientou que mais do que nunca as medidas de distanciamento social recomendadas pelos órgãos sanitários são de extrema importância. “A ocupação dos serviços de saúde vem aumentando gradativamente, chegando a níveis críticos nas últimas semanas. Somente com a ajuda e conscientização da sociedade conseguiremos aliviar a pressão sobre o sistema de saúde, garantindo atendimento adequado a todos que forem acometidos pela COVID-19”, alertou.
A unidade funcionará 24 horas por dia nos sete dias por semana e atenderá pacientes SUS referenciados, além dos pacientes conveniados que podem procurar diretamente a unidade em caso de necessidade. O atendimento a gestantes e pediatria continua sendo feito no Hospital Padre Albino.

Myllaynne Lima
Da Reportagem Local

%d blogueiros gostam disto: