Cidades

Feriados em Catanduva e Região Contabilizam R$ 116 Mi de Prejuízos

Assine

O comércio varejista de Catanduva e região deve registrar prejuízo de R$ 116 milhões neste ano por conta dos feriados que acontecerão no transcorrer do ano. Os dados são do estudo econômico da Fecomercio (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo) e repassados pelo Sindicato do Comércio Varejista de Catanduva (Sincomercio). O montante será menor, R$ 44 milhões em comparação com 2018. Neste ano serão 12 feriados e no ano anterior a cidade feiticeira teve 14.

O presidente do Sincomercio, Ivo Pinfildi Júnior avalia que será um ano melhor para a economia catanduvense. “Viemos de um ano com muitos feriados e emendas que fez com que o empresário sentisse no bolso um impacto econômico. Esse estudo é importante uma vez que possibilita ao empresário ter uma previsão do panorama econômico do ano, dando subsídios para o seu planejamento anual de ações”, diz Pinfildi.

No estado, a entidade prevê um prejuízo de R$ 7,6 bilhões no comércio varejista. De acordo com o estudo, o setor de supermercados será o que deve contabilizar a maior perda, aproximadamente 42,3%. “É importante ressaltar que nesse grupo predomina o comércio de combustíveis, além de joias e relógios, artigos de papelaria, dentre outros. A atividade de supermercados perderá mais de R$ 49 milhões em 2019”, avalia o estudo.

Os demais segmentos que devem deixar de faturar com os feriados e pontes são: farmácias e perfumarias (-28,7%). A perda de faturamento deve chegar aos R$ 13.576.140. Na sequência vem o setor de vestuário, tecidos e calçados (-26,7%), o que representa R$ 10 milhões. O setor de móveis e decoração aparece com uma margem de (-39,9%) e deve registrar prejuízo de R$ 1,6 milhão.

A Federação do Comércio desconsiderou os feriados estaduais e municipais que também prejudicam, em média, a atividade comercial. Na análise da entidade, R$ 7,6 bilhões poder parecer que causam um enorme dano ao varejo, contudo, este valor representa 0,4% de tudo que o setor fatura em um ano, ou cerca de um dia e meio de comércio completamente fechado.

“Além disso, com a economia mostrando sinais de recuperação mais forte, a tendência é de haver um crescimento ainda maior em 2019. Para Federação, a discussão de perdas por conta dos feriados vai ficando pra trás, a expectativa é de que as famílias terão mais oportunidades de trabalho e ganho de renda, o que proverá grandes benefícios a todos os segmentos”, avalia a Fecomercio.

A Federação ressalta que o estudo não visa analisar a transferência de renda para outros setores, sobretudo, o turismo que é favorecido nestes períodos.

Karla Sibro
Da Reportagem Local



Assine O Regional

Digital Mensal
R$21,30 / mês
  • Acesso total
  • Computador, Celular ou Tablet
Digital + Impresso(Sáb e Dom)
R$44,60 / mês
  • Acesso total
  • Computador, Celular ou Tablet
  • Jornal impresso aos sábados e domingos
Digital + Impresso (Ter a Dom)
R$70,50 / mês
  • Acesso Total
  • Computador, Celular ou Tablet
  • Jornal Impresso de terça a domingo
Digital Anual
R$189,40 / ano
  • Acesso Total
  • Computador, Celular ou Tablet
Digital Anual + ImpressoTerça a Domingo
R$614,10 / ano
  • Acesso Total
  • Computador, Celular ou Tablet
  • Jornal Impresso de terça a domingo