Cidades

Catanduva Tem Cinco Produtores de Orgânicos em Fase de Certificação

Esses cinco produtores já estão vendendo suas produções de orgânicos nas feiras da cidade

Em Catanduva há um crescente aumento de agricultores especializados em produtos orgânicos, devido à procura e a preocupação das pessoas em se alimentarem de forma melhor e com mais qualidade. Esse setor está se preparando para se fixar e ganhar um selo que o Governo qualifica através de um processo que pode durar até cinco anos.
Segundo Christiano M. Castro, engenheiro agrônomo da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati) em Catanduva, cinco produtores passam atualmente pelo processo de certificação orgânica. “Nós estamos acompanhando cinco produtores sendo que um produtor tem sua produção dentro da cidade de Catanduva e são seis áreas de produção, o número está crescendo e a procura dos produtores está aumentando acredito que seja por que as pessoas estão preocupadas em ter uma alimentação saudável e melhor qualidade de vida” explica Christiano.
O engenheiro ainda comentou que esses cinco produtores já estão vendendo suas produções de orgânicos nas feiras da cidade e do Armazém do Café.
O tempo de processo de transição demora em torno de cinco anos para receber o certificado orgânico e funciona da seguinte forma, o produtor deve ir ao Cati de Catanduva e solicitar a certificação. O engenheiro irá fazer uma visita ao local e realizar o check list que será encaminhado para o Ministério da Agricultura. Lá eles darão a pontuação e assim até completar o prazo. Depois disso, o produtor recebe o certificado e fica apto a produzir orgânico. Christiano ressaltou que o processo do Cati até a certificação é gratuito. Outro profissional ajuda nas etapas, Jorge Henrique Seki, auxiliar de engenheiro agrônomo.
O interesse por alimentos saudáveis e sem contaminantes tem impulsionado o crescimento do consumo de produtos orgânicos no Brasil e no mundo. Em menos de uma década, o número de produtores orgânicos registrados no Brasil triplicou, segundo levantamento do Ministério da Agricultura.
Antes do decreto que regulamenta o setor entrar em vigor, em 2007, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) identificou 90 mil produtores que se autodeclararam como orgânicos.

Ariane Pio
Da Reportagem Local