Cidades

Banco Do Povo Bate Recorde De Convênios Firmados Em 2019

O BPP – Banco do Povo Paulista de Catanduva conquistou, este ano o maior número de contratos fechados da história. Do mês de janeiro até agosto, foram 202 convênios firmados, sendo o resultado superior ao visto nos 12 meses de 2018, em que foram contabilizadas 188 parcerias, o que corresponde a um novo recorde.
“O programa de microcrédito é oferecido pelo Governo do Estado de São Paulo, em parceria com a Prefeitura. O objetivo é viabilizar financiamentos a empreendedores da cidade, sejam eles formais ou informais, além de cooperativas e associações. Só no mês passado, foram analisadas 23 propostas. 17 dos contratos foram aprovados e outros seis foram negados por restrição no nome do empresário. Também foram apresentadas 14 propostas que estão em análise pelas equipes”, disse a informação oficial da assessoria de imprensa da Prefeitura de Catanduva encaminhada ao O Regional.
“Apesar das dificuldades e cadenciamento de recursos, principalmente agora no segundo semestre, com o empenho de todos estamos construindo um paradigma com relação aos resultados e à gestão do banco. Dessa maneira, injetamos importantes recursos em nossa economia e incentivamos os empreendedores”, comenta o secretário de Desenvolvimento, Fabio Rinaldi Manzano.
Além dos números referentes aos contratos firmados, vale ressaltar que, até o momento, 2019 teve a injeção de R$ 1,49 milhão na economia da cidade com os convênios. Só no mês passado, foram R$ 122 mil. O resultado é superior ao visto em 2018, em que chegou a R$ 1,29 milhão em 12 meses e um salto expressivo, se comparado com o primeiro ano do programa, em 2001, que registrou R$ 25 mil emprestados aos empreendedores da cidade.
“O Banco do Povo Paulista integra um conjunto de serviços que são oferecidos por outro programa, o Empresa Agora, que é o pioneiro da região e um dos poucos desse modelo no território paulista. A ação da Prefeitura tem apoio do Sebrae-SP, Associação Comercial e Empresarial (ACE), Sincomercio e Sindicato Rural”, finaliza a nota.

Da Reportagem Local

CAMPANHA ICESP

/* ]]> */