Cidades

Atividades Sociais e de Cidadania Serão Realizadas no Residencial Paineiras

O PDST – Plano de Desenvolvimento Sócio-Territorial trará ações sociais e de cidadania ao Residencial Paineiras, de acordo com informação da Prefeitura de Catanduva. O trabalho pós-ocupacional será voltado a 114 famílias que vivem no conjunto habitacional, visando conscientizar os moradores sobre temas do cotidiano e melhorar a vivência coletiva. “Serão cinco meses de atividades divididas em módulos que incluem visitas aos domicílios, recreação, cursos de capacitação nas áreas de beleza/estética e de revitalização de espaços verdes, além de oficinas manuais. Boa parte das ações que compõem o cronograma foi elaborada levando em conta os anseios da comunidade. Em contato com os moradores, a equipe de trabalho fez um diagnóstico social, visando à participação efetiva nas atividades e, por consequência, aproveitamento do conteúdo. O grupo mantém plantão social para atendimento das famílias, no salão do residencial, todas as sextas-feiras, das 16h00 às 19h00”, informa nota oficial da prefeitura.
Para completar, a técnica social da LN Soluções em Treinamentos, empresa executora contratada pela Prefeitura, Alessandra Cristina, ainda diz que “o Trabalho Técnico Social visa promover a autonomia e o protagonismo social. As ações são planejadas para criar mecanismos capazes de viabilizar a participação dos beneficiários nos processos de decisão, implantação e manutenção dos bens e serviços, adequando-os às necessidades e à realidade dos grupos”.
O plano foi apresentado aos moradores no salão do residencial na manhã deste último sábado, dia 25 de janeiro, com participação de representantes das secretarias municipais.

Para entender melhor
“O PDST do Residencial Paineiras é financiado pela Caixa Econômica Federal e o Ministério das Cidades, por meio de saldo remanescente do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), da época da construção das moradias populares. A Prefeitura de Catanduva é atua em diferentes áreas, articulando com a oferta de serviços públicos que possam colaborar com a execução das atividades e a garantia dos direitos sociais. Ação semelhante foi realizada no Nova Catanduva 1”, explica a prefeitura.

Da Reportagem Local