Início - Altobeli Recebe Homenagem em Brasília e Faz Selfie Com Michel Temer
Cidades

Altobeli Recebe Homenagem em Brasília e Faz Selfie Com Michel Temer

Nas redes sociais o atleta catanduvense falou sobre a felicidade de participar deste momento
Cíntia Souza
Da Reportagem Local

O catanduvense Altobeli Silva recebeu uma homenagem em Brasília e fez selfie com o presidente interino Michel Temer. O fato aconteceu ontem (29) e deve ficar marcado na vida e na carreira do atleta que ficou no nono lugar nos três mil metros com obstáculo nas Olimpíadas Rio 2016. Nas redes sociais, ele falou sobre a felicidade de participar deste momento.
“Homenagem aos medalhistas e finalistas olímpicos dos jogos Rio 2016. Estou muito feliz em participar desse momento. Só tenho a agradecer a Deus, aos meus patrocinadores e a todos que torce por mim, meus pais, Valeu… De Catanduva pro Brasil, na foto o Presidente da República em Exercício, Michel Temer”, disse o atleta em postagem nas redes sociais ao lado de Temer.
À reportagem de O Regional, ele disse que na data o presidente interino fez uma homenagem aos atletas e agradeceu a participação de cada um. “Ele falou que vai continuar com alguns projetos e vai continuar incentivando. O ministro dos Esportes (Leonardo Picciani) estava lá também e o presidente falou que vai fazer de tudo para o Brasil continuar crescendo em todas as modalidades esportivas e que vai tentar manter as bolsas atletas. Se isso acontecer, posso ganhar uma bolsa olímpica, que vai me ajudar a conseguir investir ainda mais na minha carreira e me ajudar a alcançar meus objetivos”, disse.
Além de Altobeli, outros 59 atletas, além dos ministros da Casa Civil, Eliseu Padilha, da Defesa Raul Jungmann; da Justiça, Alexandre de Moraes; do Esporte, Leonardo Picciani; e do Gabinete de Segurança Institucional, Sérgio Etchegoyen participaram do evento. O presidente do Comitê Olímpico Brasileiro, Carlos Arthur Nuzman, também esteve na homenagem.
Altobeli recebeu na semana passada a ligação do convite para o recebimento da homenagem. Altobeli é o melhor do Brasil e da América do Sul. Na final das olimpíadas ele terminou a prova com 8min26s30, 23 segundos a mais que o vencedor, o queniano Conseslus Kipruto, que ficou com a medalha de ouro e com recorde olímpico com 8min03s28.