Cidades

7% da População de Catanduva é Formada Por Adolescentes

Nesta sexta-feira (21) é comemorado o Dia do Adolescente (Divulgação)

7% da população de Catanduva é formada por adolescentes. É que aponta estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). São aproximadamente 8,5 mil meninos e meninas nessa etapa da vida. A maior fatia vai para eles, com 4.375, enquanto que elas representam 4.200.
Nesta sexta-feira (21) é comemorado o Dia do Adolescente, época de transição para a fase adulta. Apesar de ser uma das fases mais “curtidas” pelos jovens, três adolescentes entrevistados pela nossa reportagem, apontam que não veem a hora de passarem por esse período.
“Minha mãe sempre fala que é a melhor fase da vida, que eu tenho que aproveitar cada momento, porque passa rápido. Mas, acredito que com a minha vida adulta, vou chegar a independência, vou poder entrar em uma faculdade, vou poder morar fora, novas amizades. Mal posso esperar”, conta Ana Flávia Costa, de 15 anos.
“Eu gosto de ser adolescente, ter minhas amigas, todo o aprendizado que tenho na escola, mas se fosse para escolher eu já passaria para daqui alguns anos, começar a ganhar o meu próprio dinheiro, começar a lutar pelos meus sonhos” explica Mariana Ferreira Santos, de 16 anos.
“A pior parte de ser adolescente é que não podemos entrar em determinado brinquedo, não podemos assistir determinado filme de terror, às vezes não posso ficar até o horário que os meus amigos ficam quando saímos para o shopping, mas só. De resto gosto dessa fase”, comenta João Pedro Domingues de 14 anos.
Para quem não sabe, o Dia do Adolescente foi criado em 1996 pelo deputado Horácio de Matos Netos, que elaborou um projeto de lei para que essa data começasse a se tornar oficial no Brasil.
Apesar de a Organização Mundial da Saúde (OMS) determinar a idade entre os 10 e 19 anos como o período da adolescência (parâmetro que foi usado nessa reportagem), a Organização das Nações Unidas (ONU) estabelece que para fins estatísticos e políticos dos 15 aos 24 anos como a adolescência.

Cíntia Souza
Da Reportagem Local