Início - 1° Parkour de Catanduva acontece no sábado
Cidades

1° Parkour de Catanduva acontece no sábado

Acontece no sábado (29) um evento intitulado como Treinão Pakour, organizado pela In-Flow – Parkour e a Parkour Brazil – Catanduva Team, as 8h30 no Terminal Rodoviário. Segundo Modesto coordenador do evento, o treino será beneficente arrecadando 1 caixinha de leite que será revertida como doação para as instituições que precisam da cidade de Catanduva. “No momento ainda não temos a instituição que será destinada, mas estaremos divulgando na entrega”, garante o coordenador.
Vinicius Modesto pede que as pessoas venham prestigiar o evento e contribuir com a ajuda para apoia-los com a ideia. “Teremos um bate papo bacana no inicio das atividades, apresentações dos picos, alongamento e aquecimento, além de algumas atividades guiadas para iniciantes” explicou o coordenador.
Modesto explicou o esporte Parkour que significa “percurso” em francês. O objetivo do parkour é se deslocar de um ponto a outro (daí o nome) de modo rápido e direto, sem desviar de obstáculos como muros, vãos ou carros. Eles devem ser transpostos com manobras que envolvem saltos, escaladas e nenhum equipamento além do próprio corpo. O espaço ideal para a prática é a paisagem urbana.
Não há um consenso sobre se o parkour é um esporte ou uma forma de expressão corporal. As manobras utilizam técnicas da ginástica olímpica e de artes marciais, mas não existe nenhuma pontuação nem competição entre os traceurs (praticantes).
O parkour surgiu na França, nos anos 1980. O pioneiro David Belle, criado em uma família de bombeiros, se inspirou em técnicas de salvamento e fuga de emergências. Para não hesitar e cometer erros potencialmente fatais, o traceur precisa aprender a controlar o medo. “O preparo mental é tão importante quanto o físico”, diz Eduardo Bittencourt, do grupo Le Parkour Brasil, fundado em 2004.

Aricieli Ferranti
Da Reportagem Local